Aníbal discute licitação de petróleo e gás no Acre

Senador disse que a exploração na região do Vale do Juruá não irá agredir o meio ambiente.

:: Da redação19 de abril de 2013 16:32

Aníbal discute licitação de petróleo e gás no Acre

:: Da redação19 de abril de 2013

“As áreas a serem exploradas não atingirão
nenhuma área indígena”

A chefe da Casa Civil, Márcia Regina Pereira, e o senador Aníbal Diniz participaram nesta quinta-feira, 18, de reunião com Sílvio Jablonski, chefe de gabinete da diretora-geral da Agência Nacional do Petróleo (ANP), e Luciene Pedrosa, assessora da diretora-geral da ANP, Magda Chambriard.

Na reunião, foi discutida a prospecção de petróleo e gás que está acontecendo na região do Vale do Juruá. Aníbal Diniz revelou que foi dada a garantia de que, ainda este ano, haverá a licitação para a contratação de empresas para as perfurações que comprovarão a viabilidade econômica das jazidas de gás e petróleo da bacia sedimentar do Acre, que abrange o Vale do Juruá e parte do Estado do Amazonas.

“As áreas a serem exploradas não atingirão nenhuma área indígena. Além disso, quando estive numa vista à usina de Urucu [Amazonas] pude constatar que é possível fazer prospecção sem agredir ferozmente o meio ambiente”, afirmou o senador acreano.

O respeito ao meio ambiente é uma preocupação do governador Tião Viana, que faz questão de que a prospecção seja executada em conformidade com as políticas públicas defendidas pela atual gestão.

“Esse trabalho vem sendo feito com cuidado e em áreas do Acre que foram alteradas por consequência de atividade humana. Temos respeito ao socioambientalismo que está sendo preservado e assegurado por nós”, afirma o governador.

Assessoria do senador Aníbal Diniz

Leia também