Autorizado empréstimo do Bid de US$600 milhões para a Bahia

Segundo Pinheiro, a iniciativa promoverá o equilíbrio fiscal do estado e a viabilizará os investimentos necessários ao desenvolvimento sócio-econômico.

:: Da redação14 de dezembro de 2012 12:59

Autorizado empréstimo do Bid de US$600 milhões para a Bahia

:: Da redação14 de dezembro de 2012

O Diário Oficial da União publicou nesta quinta-feira (13) mensagem do Executivo para o Senado analisar contratação de operação de crédito externo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), no valor de US$ 600 milhões para apoiar a continuidade da consolidação e sustentabilidade do equilíbrio fiscal do Estado da Bahia. A colaboração do Banco estará direcionada ao ajuste estrutural das contas estaduais, através do Programa de Consolidação do Equilíbrio Fiscal para o Desenvolvimento do Estado da Bahia – Proconfins II.

Segundo o senador Walter Pinheiro (PT/BA), com a publicação no Diário Oficial, a articulação agora é para a matéria ser apreciada na CAE, Comissão de Assuntos Econômicos, já na próxima semana. Pinheiro explica que a assistência técnica do BID ao Governo da Bahia tem o objetivo de apoiá-lo na consolidação do processo de ajuste fiscal e de recuperação de sua capacidade de investimento, conforme programas utilizados pelo BID na modalidade de financiamento do tipo Empréstimo Baseado em Política (PBL). “O apoio do programa do BID para promover o equilíbrio fiscal do Estado da Bahia vem em sintonia com a estratégia da reforma iniciada pelo Governo Federal, por meio de alocação de recursos financeiros para a viabilização de investimentos necessários ao desenvolvimento sócio-econômico do Estado,”, explicou.

O governo baiano defendeu, por meio de ofício encaminhado ao presidente do BID, Luis Alberto Moreno, que os recursos do programa sejam utilizados também com o objetivo de realizar os investimentos necessários para a infra-estrutura adequada para grandes eventos de natureza nacional e internacional, a exemplo da Copa do Mundo Fifa 2014, com efeito importante sobre o desenvolvimento econômico do Estado, considerada a sua vocação turística.

Assessoria de Imprensa do senador Walter Pinheiro 

Leia também