Brasil e França assinam parcerias na educacão, ciência e tecnologia

:: Da redação12 de dezembro de 2013 16:38

Brasil e França assinam parcerias na educacão, ciência e tecnologia

:: Da redação12 de dezembro de 2013

Dilma e François Hollande assinaram uma
série de atos que ampliam a relação bilateral
entre o Brasil e a França (PR)

A presidenta Dilma Rousseff e o presidente francês François Hollande assinaram, nesta quinta-feira (12), uma série de atos nas áreas de educação, ciência e tecnologia que ampliam a relação bilateral entre o Brasil e a França.

Férias-trabalho

Cria um programa de “férias-trabalho”, com o fim de autorizar jovens de ambos os países a permanecerem no território da outra parte por até um ano, para fins primordialmente de turismo, com a possibilidade de exercer emprego que permita complementar os recursos financeiros de que disponham.

Fórum Econômico Brasil-França

Estabelece Foro Econômico Brasil-França com o intuito de desenvolver a cooperação econômica e comercial entre Brasil e França, com ênfase no desenvolvimento do comércio e dos investimentos recíprocos, constituindo estrutura permanente de diálogo econômico-comercial.

Aprendizagem do francês no Brasil

Visa a cooperação para promover a aprendizagem do idioma francês para estudantes e futuros bolsistas do programa Ciência sem Fronteiras. Entre as novas formas de ensino, está a implementação do curso online Français sans Frontières a estudantes brasileiros homologados pelo programa Ciência sem Fronteiras com destino à França.

Acolhida de estudantes bolsistas em ciclo de mestrado profissional

Amplia a cooperação no âmbito do Ciência sem Fronteiras por meio da recepção, em 2014, de 500 bolsistas brasileiros, e até 500 bolsistas brasileiros suplementares a partir de 2015.

Computação em alto desempenho

Declara a conclusão das negociações para instalar infraestrutura de computação de alto desempenho no Brasil e informar as bases de como o projeto será implementado e seus principais benefícios.

Economia Social e Solidária

Reforça a cooperação e aprofunda o intercâmbio sobre as questões de Economia Social e Solidária, em especial nos seguintes eixos: 1) formação de profissionais; 2) intercâmbio de experiências e boas práticas; 3) promoção de projetos conjuntos de cooperação.

Agricultura

Incentiva cooperação entre os ministérios dos dois países com o objetivo de fomentar a cooperação técnica bilateral nas áreas da agropecuária, indústria agroalimentar, segurança alimentar e desenvolvimento rural. Também será criado Grupo de Trabalho Conjunto para assegurar a implementação do Protocolo.

Vacina infantil heptavalente

Cooperação para o desenvolvimento de vacina infantil heptavalente (Difteria, Tétano, Coqueluche, Hepatite B, Haemophilus Influenzae B, Meningite C e Poliomelite).

Blog do Planalto 

Leia também