Brasil e OIT assinam acordo para Conferência Mundial sobre Trabalho Infantil

:: Da redação15 de outubro de 2012 19:31

Brasil e OIT assinam acordo para Conferência Mundial sobre Trabalho Infantil

:: Da redação15 de outubro de 2012

MDS e outros ministérios se unem à entidade internacional para trocar experiências que ajudem os países a cumprir metas

O Governo Federal e a Organização Internacional do Trabalho (OIT) assinaram projeto de cooperação com as estratégias para acelerar o ritmo da erradicação das piores formas de trabalho infantil até 2016 e para erradicar o problema até 2020. O acordo integra as ações que antecedem a realização da III Conferência Mundial sobre Trabalho Infantil, que o Brasil sediará em outubro de 2013.

O documento, assinado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), OIT e Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores (ABC/MRE), cria o comitê gestor do projeto, composto por representantes desses órgãos. Ele ficará encarregado de supervisionar, coordenar e acompanhar os trabalhos.

Conferências – O compromisso internacional de erradicar o trabalho de crianças e adolescentes foi assumido durante as duas primeiras conferências mundiais sobre o trabalho infantil, em 1997 e em 2010. Ambas foram em Haia, na Holanda. O objetivo da terceira conferência, no Brasil, é que os países troquem experiências sobre ações para enfrentar o problema. No evento de dois anos atrás, participaram 450 delegados de 80 países. Eles discutiram os progressos e estudaram formas de garantir que a meta da erradicação das piores formas de trabalho infantil seja cumprida até 2016.

Com informações da Ascom/MDS

Leia também