Comissão aprova funções temporárias para grandes eventos

:: Da redação13 de maio de 2014 21:29

Comissão aprova funções temporárias para grandes eventos

:: Da redação13 de maio de 2014

Cargos servirão para lotação dos responsáveis pelas ações essenciais de segurança em cidades-sede

Wellington explica que acompanhamento
da gestão permitirá que Brasil viva momento
diferenciado

A comissão mista destinada a analisar a medida provisória (MP) 640/2014, que cria em caráter temporário funções comissionadas para grandes eventos (FCGE), no âmbito da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos (Sesge), do Ministério de Justiça, foi aprovada por unanimidade na tarde desta terça-feira (13).

“É uma contratação provisória e específica para este período e exclusivamente para os servidores do Ministério da Justiça. O investimento será da ordem de R$ 3,7 milhões”, explicou o senador Wellington Dias (PT-PI), presidente da comissão especial.

De acordo com a mensagem da presidenta Dilma Rousseff, a Sesge foi criada em agosto de 2011 para definir, planejar, coordenar, implementar, acompanhar e avaliar as ações de segurança para os grandes eventos. Isso tendo em vista a realização da Copa do Mundo FIFA de 2014, dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016.

Os serviços compreendem todas as ações de segurança essenciais nas doze cidades sedes, sejam eles policiais ou não, que tenham a finalidade de responder a qualquer incidente relevante, como catástrofes civis ou qualquer outro evento que coloque em risco a segurança da população em geral, dos convidados, das delegações e das comitivas participantes.

“As funções temporárias aprovadas na MP serão exercidas exclusivamente por servidores públicos ocupantes de cargos efetivos e militares, de qualquer um dos entes da federação. O acompanhamento da gestão em todas as áreas vai permitir que o Brasil possa viver sem um momento diferenciado”, assinalou Wellington Dias.

Marcello Antunes

Leia também