Conab: produção de grãos crescerá até 10% na safra 2012/2013

Volume de grãos na safra atual deve ficar entre 177,68 e 182,27 milhões de toneladas, contra 165,7 milhões da safra passada.

:: Da redação9 de outubro de 2012 15:24

Conab: produção de grãos crescerá até 10% na safra 2012/2013

:: Da redação9 de outubro de 2012

A produção de grãos no país para a safra 2012/2013 ficará de 7,2% a 10% maior do que a registrada para o período 2011/2012, de acordo com os cálculos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). A estimativa para o volume de grãos varia entre 177,68 e 182,27 milhões de toneladas e o volume de grãos na safra atual deve ficar entre 177,68 e 182,27 milhões de toneladas, contra 165,7 milhões da safra passada.

 

O estudo também aponta uma projeção de crescimento entre 50,93 e 52,21 milhões de hectares da área plantada, resultado que representa uma elevação de 0,2% a 2,7%, ou seja, de 80,1 mil a 1,36 milhão de hectares (ha) frente à área plantada na safra anterior e que totalizou 50,84 milhões de ha.

 

A  quebra de safra da soja nos principais países exportadores motivou o crescimento da soja no País. Na verdade, foi o único grão que apresentou crescimento de área neste estudo, que considerou também as culturas de algodão, arroz, feijão primeira safra e milho primeira safra. A variação é de 5,5% a 9,1% ou o intervalo entre 26,42 e 27,33 milhões de hectares acima do cultivo de 2011/2012, que marcou 25,04 milhões de ha.

 

A oleaginosa também teve o maior destaque com relação ao crescimento da produção, com um acréscimo estimado entre 13,68 milhões e 16,43 milhões de toneladas em comparação ao estudo passado. O milho primeira safra teve uma elevação entre 653,2 mil e 2,01 milhões de toneladas. Já para o feijão primeira safra, a previsão é de um crescimento entre 45,9 e 84,9 mil toneladas.

 

Para fazer o levantamento, 50 técnicos foram a campo nas principais regiões produtoras do País, no período entre 17 e 28 de setembro deste ano.

 

Com informações da Conab, Ministério da Agricultura e Agência Brasil

Leia também