Legado Temer

Cresce tempo de espera na busca por emprego no País

Em Salvador, por exemplo, o tempo de procura supera um ano. Essa espera pode chegar a até 60 semanas
:: Rede Brasil Atual3 de agosto de 2017 15:12

Cresce tempo de espera na busca por emprego no País

:: Rede Brasil Atual3 de agosto de 2017

Notícia veiculada nesta quinta-feira (03) pela Rede Brasil Atual, baseada em levantamento mensal da Fundação Seade e do Dieese, aponta que o trabalhador da região metropolitana de São Paulo demora, em média, 43 semanas, ou cerca de nove meses e meio, para conseguir recolocação no mercado de trabalho. Comparado com igual período do ano passado, o tempo de busca ativa por emprego, que era de 35 semanas em três regiões metropolitanas pesquisadas, aumentou em 22,9%.

Com dados da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), a Seade e o Dieese mapearam o tempo de espera por recolocação no mercado de trabalho nas regiões metropolitanas de São Paulo, Salvador e Porto Alegre.

Em Salvador, por exemplo, o tempo de procura supera um ano. Em junho de 2016, o soteropolitano buscava uma colocação por até 51 semanas, em média. Um ano depois, essa espera pode chegar a até 60 semanas, o que representa mais de 13 meses à procura de um trabalho.

Confira a íntegra da matéria aqui

Leia também