comissão temporária

Crise energética: Jean Paul cobra instalação de Comissão

No final de julho, o Senado aprovou um requerimento do senador potiguar que cria uma Comissão temporária para averiguar a crise hidroenergética
:: Assessoria do senador Jean Paul Prates26 de agosto de 2021 08:46

Crise energética: Jean Paul cobra instalação de Comissão

:: Assessoria do senador Jean Paul Prates26 de agosto de 2021

O líder da minoria, senador Jean Paul Prates (PT-RN), destacou, mais uma vez, a importância de debater a crise energética no Brasil. No final de julho, o Senado aprovou um requerimento do senador potiguar que cria uma Comissão temporária para averiguar a crise hidroenergética.

O país vive a pior crise dos últimos 90 anos com o baixo abastecimento dos principais reservatórios do país e a possibilidade de falta de energia em várias cidades e regiões. Na segunda-feira (23), o ministro de Minas e Energia (MME), Bento Albuquerque, deu início ao programa de estímulo ao racionamento de energia destinado a grandes consumidores.

“Não podemos adiar a instalação da comissão. Ela é urgente. Além de lidarmos com a pandemia e a crise econômica, temos mais esse desafio pela frente. Água e luz são necessidades básicas de uma família e é dever do estado garantir pelo menos isto. Mas, infelizmente, o governo Bolsonaro é um governo de crises. O povo não aguenta mais sofrer”, afirmou o senador Jean.

A instalação da comissão aguarda apenas as indicações dos integrantes pelos líderes partidários para iniciar seus trabalhos. Ela funcionará por 180 dias e vai sugerir medidas para garantir a segurança energética e evitar aumentos da conta de luz. O colegiado também vai acompanhar as ações e decisões da Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética (CREG), instalada por medida provisória (MP 1.055/2021).

Leia também