Demóstenes: Conselho de Ética tentará acesso a inquérito do STF

:: Da redação17 de abril de 2012 21:01

Demóstenes: Conselho de Ética tentará acesso a inquérito do STF

:: Da redação17 de abril de 2012

O senador Humberto Costa (PT-PE), relator do processo contra Demóstenes Torres no Conselho de Ética, vai reiterar ao ministro do Superior Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski a importância de o Senado ter acesso às informações referentes às denúncias contra Torres.

Na noite desta terça-feira (17/04), Humberto e o presidente do Conselho de Ética, Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), vão se encontrar com Lewandowski, que é relator do inquérito referente às operações Monte Carlo e Vegas, que envolveram Demóstenes Torres, que está sendo processado pelo Conselho de Ética sob a acusação de tráfico de influência e participação em um esquema de jogos ilegais mantido pelo empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso pela Polícia Federal desde fevereiro.

O pedido de abertura de inquérito foi feito ao STF pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, no dia 28 de março. O Senado já havia solicitado as informações, primeiramente ao Ministério Público e depois ao Supremo, mas Lewandovski negou acesso ao inquérito, alegando que só uma Comissão Parlamentar de Inquérito poderia fazer o requerimento. “Nosso objetivo é mostrar ao ministro que podemos trabalhar de forma afinada no compartilhamento de informações. Dentro das possibilidades legais, podemos ajudar o Judiciário; e eles também nos podem ser úteis”, explicou Valadares.

Com informações da Agência Senado

Leia também