Dilma dá início à reforma ministerial. Três ministérios têm nova chefia

:: Da redação30 de janeiro de 2014 19:08

Dilma dá início à reforma ministerial. Três ministérios têm nova chefia

:: Da redação30 de janeiro de 2014

A reforma ministerial da presidenta Dilma Rousseff começou por três pastas importantes: Casa Civil, Saúde e Educação. Em comunicado divulgado na tarde desta quinta-feira (30), Dilma anunciou que Gleisi Hoffmann e Alexandre Padilha deixarão os cargos de ministros. Os dois se dedicarão às campanhas eleitorais para o governo do Paraná e São Paulo, respectivamente.

Para substituir Gleisi no posto de chefe da Casa Civil, Dilma nomeou Aloizio Mercadante, atual ministro da Educação. No lugar de Mercadante assume o atual secretário-executivo da pasta, José Henrique Paim Fernandes. E no Ministério da Saúde, Padilha entregará seu posto para o médico Arthur Chioro, atual secretário de Saúde de São Bernardo do Campo (SP).

A cerimônia de posse dos novos ministros será na segunda-feira (3), às 11h, no Palácio do Planalto.

NOTA OFICIAL

“A presidenta Dilma Rousseff anunciou hoje mudanças no seu ministério. A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, deixarão seus cargos.

Para a chefia da Casa Civil, a presidenta indicou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante. O novo ministro da Saúde será o médico Arthur Chioro. O novo ministro da Educação será José Henrique Paim Fernandes, atual secretário-executivo do Ministério.

A posse dos novos ministros será na segunda-feira, às 11 horas, no Palácio do Planalto. As transmissões ocorrerão nos seus respectivos ministérios na segunda-feira à tarde.

Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República”

Leia também