Energia eólica: Wellington festeja resultado de leilão da Chesf

A empresa obteve o direito de construir 12 parques eólicos no Nordeste, com capacidade total de 338 megawatts. Investimento soma  R$ 3,4 bi.

:: Da redação26 de novembro de 2013 19:52

Energia eólica: Wellington festeja resultado de leilão da Chesf

:: Da redação26 de novembro de 2013

 “O empreendimento pode transformar nosso
País em referência mundial na geração de
energia”

O senador Wellington Dias (PT-PI) comemorou, nesta terça-feira (26), a vitória da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) no último leilão de energia eólica realizado em São Paulo, na semana passada.

Segundo ele, a empresa obteve o direito de construir 12 parques eólicos no Nordeste, com capacidade total de 338 megawatts e investimentos da ordem de R$ 3,4 bilhões. “Quero parabenizar aqui todo o know-how da nossa Chesf”, disse.

As usinas eólicas devem demandar investimentos de cerca de R$3,4 bilhões, segundo estimativas do Governo Federal. O preço médio de venda da energia foi de R$124,43 por megawatt/hora, um deságio de 1,25% frente ao preço máximo estabelecido no certame passado, de R$126,00 por megawatt.

Quatro desses parques serão instalados no Estado de Pernambuco, em área dos Municípios de Paranatama, Iati e Saloá, em parceria com a PEC Energia Ltda. Outros dois parques eólicos, no Estado da Bahia, na região de Pindaí, também em parceria com a Sequoia Capital, em expansão em outros oito parques eólicos negociado pela Chesf.

O maior destaque foi o Piauí, onde a Chesf, em parceria com a ContourGlobal, Salus FIP, irá construir outros seis novos parques eólicos, nos municípios de Simões, Caldeirão Grande e Marcolândia, como expansão de sete parques eólicos negociados em igual parceria no Leilão de Energia de Reserva, realizado em agosto deste ano.

As novas usinas geradoras, em conjunto com outras sete usinas licitadas anteriormente, produzirão no estado 390 megawatts, energia suficiente para abastecer 1,2 milhão de casas populares. “A implantação dessas usinas de energia eólica no Piauí e em outros estados do Brasil, além de atender à demanda que temos por mais energia elétrica, também pode transformar nosso país em referência mundial na geração de energia”, afirmou o senador.

“Para a construção desses parques eólicos no Piauí, o investimento previsto é de R$1,35 bilhão, gerando cerca de 950 empregos diretos. A implantação dessas usinas de energia eólica no Piauí e em outros Estados do Brasil, além de atender a demanda que temos por mais energia elétrica, também pode transformar nosso País em referência mundial na geração de energia”, acrescentou.

Com informações da Agência Senado 

Leia também