Gleisi Hoffmann: Copa e leilão de ferrovias são os desafios de 2014

:: Da redação7 de janeiro de 2014 13:10

Gleisi Hoffmann: Copa e leilão de ferrovias são os desafios de 2014

:: Da redação7 de janeiro de 2014

Ministra-Chefe da Casa Civil afirma que a economia está crescimento

” Os principais parceiros comerciais do País
sofreram com uma crise econômica e isso teve
reflexos, mas, mesmo assim, o Brasil conseguiu
dar respostas consistentes”

A ministra-chefe da  Gleisi Hoffmann avalia que o ano de 2013 foi um ano de grandes desafios, enfrentados com determinação e pulso firme pela presidenta Dilma Rousseff.  “O Brasil está inserido em uma economia que está difícil no plano global”, recordou. Em entrevista exclusiva à TV NBR, nesta segunda-feira (6), a ministra fez um balanço das ações de governo no ano  que passou.

“Os principais parceiros comerciais do País sofreram com uma crise econômica e isso teve reflexos, mas, mesmo assim, o Brasil conseguiu dar respostas consistentes. Nós protegemos o emprego dos nossos trabalhadores, nós temos o menor índice de desemprego da nossa história, protegemos a renda dos brasileiros, protegemos a indústria nacional, investimos na nossa agricultura – que vem batendo recordes de produção –  e mantivemos e ampliamos os nossos programas sociais”, resumiu,  citando o Bolsa Família, e o Minha Casa, Minha Vida.

Gleisi também elencou os movimentos que se alastraram pelo País a partir do mês de junho, quando a população foi às ruas para cobrar melhoria em serviços públicos  e privados considerados essenciais. “A presidenta teve uma postura firme e determinada para resolver essas questões”,  assegurou, lembrando que Dilma se dispôs a dialogar com as ruas. “Ela exercitou a coragem e ofereceu às ruas um conjunto de ações para que pudesse responder a essas manifestações”, disse.

A ministra avaliou que o monitoramento executado pela Casa Civil, segundo ela, teve papel fundamental no desempenho eficiente dos programas sociais do governo federal, ao permitir avaliações e melhorias. “Hoje nós temos um sistema que consegue ver esses programas e avaliar a eficácia e a eficiência deles junto à população”.

Veja abaixo alguns outros itens abordados pela entrevista:

Operação Fim de Ano

A ministra Gleisi Hoffmann lembrou, ainda, os números positivos da Operação Fim de Ano 2013, que ajudou a reduzir em 10% os acidentes nas rodovias federais. E também a agilidade no atendimento de emergência às vítimas das chuvas de dezembro, resultado das ações de monitoramento meteorológico e da equipagem dos agentes envolvidos em resgates.

Desafios

De acordo com Gleisi, a realização da Copa do Mundo e a abertura do processo de concessões de ferrovias são alguns dos desafios para 2014. A ministra informa que, depois dos leilões de concessões para portos, aeroportos e rodovias, realizados ano passado, chegou a hora de preparar o processo de concessões de ferrovias, que vai separar infraestrutura e exploração. A meta, dentro do Programa de Investimentos em Logística (PIL), é melhorar o escoamento da produção agrícola brasileira já em cinco anos.

Copa do Mundo

Sobre a Copa do Mundo, Gleisi Hoffmann citou as ações para garantir segurança, comunicação e energia, durante toda a realização do evento. “Porque a Copa não é só o jogo dentro do campo. É uma série de medidas que nós tomamos para que o jogo possa se realizar da melhor maneira possível e a população brasileira e os estrangeiros que vierem aqui possam curtir muito o futebol”. Disse também: “Nós já temos a previsão de investimento de 1 bilhão e 100 mil reais em equipamentos de segurança. Isso fica de legado. São centros de comando e controle integrados, são carro, equipamentos não-letais, a capacitação dos profissionais de segurança. E além disso nós temos 10 mil homens mobilizados da Força Nacional de Segurança que estão prontos para atuar caso seja necessário, apoiando a Polícia Militar e Polícia Civil dos estados, para que a gente possa ter uma Copa pacífica e ordenada”.

Assista à íntegra da entrevista

{youtube}vsr-3wgJiTU{/youtube}

Com informações da NBR TV e do Blog do PT Nacional

Leia também