Corte de direitos

Humberto: aumento de plano de saúde para idosos é cruel

O projeto tem como maior atrocidade a possibilidade de aumento por faixa etária para idosos
:: Assessoria do senador Humberto Costa9 de novembro de 2017 10:57

Humberto: aumento de plano de saúde para idosos é cruel

:: Assessoria do senador Humberto Costa9 de novembro de 2017

Contrário aos cortes em programas sociais e aos aumentos abusivos de preços promovidos pelo governo Temer (PMDB), o líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE), denunciou, na última quarta-feira (8), mais um descalabro: o apoio do Palácio do Planalto, do ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), e do PSDB ao projeto de lei que vai aumentar os valores dos planos de saúde dos idosos.

De acordo com Humberto, essa nova “aberração” de Michel Temer, que está em tramitação na Câmara dos Deputados e pode ser aprovada em plena crise econômica, mira, mais uma vez, as camadas mais frágeis da população.

“É uma medida escabrosa para favorecer os ricos enquanto os pobres têm de pagar a fatura dessa festa do andar de cima com os consecutivos aumentos na energia, na água, no gás, no combustível e, agora, até nos planos de saúde”, declarou.

Confira a íntegra da matéria

 

O governo, mais uma vez, pune os mais frágeis. Agora, o alvo é os idosos, que terão de arcar com um extorsivo aumento dos seus planos de saúde. Essa é uma obra direta do ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), um preposto das empresas privadas a serviço da destruição do SUS.

Publicado por Humberto Costa em Quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Leia também