Humberto Costa presta solidariedade a ex-tesoureiro preso em São Paulo

:: Da redação28 de junho de 2016 20:00

Humberto Costa presta solidariedade a ex-tesoureiro preso em São Paulo

:: Da redação28 de junho de 2016

Humberto acredita que acusações contra Paulo Ferreira são inverídicasEm discurso ao plenário, nesta terça-feira (28), o senador Humberto Costa (PT-PE) registrou solidariedade ao companheiro e ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira. Assim como o ex-ministro Paulo Bernardo, marido da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), Ferreira também foi preso pelo Polícia Federal na operação Custo Brasil.

O senador observou que o ex-tesoureiro sequer foi ouvido no inquérito contra ele. “[Por isso], nós entendemos que [a prisão] caracterizou também uma atitude abusiva, ao lado do processo de invasão do PT na sua sede nacional no Estado de São Paulo”, criticou.

“Quero dizer inclusive da minha crença na inocência de Paulo Ferreira e a certeza de que ele conseguirá provar que essas acusações que lhe fazem são absolutamente inverídicas”, completou Humberto.

Espetáculo midiático e constrangimento

A prisão de Paulo Ferreira, na semana passada, foi um verdadeiro espetáculo midiático. Testemunhas garantem que houve constrangimento do porteiro do prédio onde o ex-tesoureiro morava –mas havia se mudado há uma semana.

Um dos policiais da operação, segundo moradores, gritava e ameaçava o porteiro. Para evitar o arrombamento do apartamento onde Ferreira morava, o funcionário do edifício entregou o molho de chaves aos agentes da PF.

Frustrados, policiais e equipes de tevê deixaram o local em pelo menos cinco viaturas, cantando pneus como prevê a pompa e a circunstância típica. Os moradores, atônitos, se entreolharam, em desaprovação ao “estado policial instalado”.

Não se dando por vencidas, as equipes da polícia e da mídia se dirigiram ao diretório nacional do Partido dos Trabalhadores, em Brasília. Câmeras ligadas, armas encilhadas e o local cercado. Porém, novamente, a ação foi inútil, já que Paulo Ferreira não estava lá.

O antídoto ao fracasso da operação fez irromper na mídia: “foragido”. A incompetência continuou a melar a aura de eficiência da PF.

 

Leia mais:

Bancada do PT no Senado manifesta solidariedade à senadora Gleisi e sua família

Emocionada, Gleisi condena ‘operação espetáculo’ e critica prisão do marido

Operação Custo Brasil protagonizou espetáculo desnecessário, diz Gleisi

Falta de provas embasa pedido de prisão midiática de Paulo Bernardo