#ForaBolsonaro

Manifestações apontam urgência do impeachment de Bolsonaro

Carreatas, atos e até protestos em bicicletas foram realizados em capitais e cidades do interior para mostrar a insatisfação do povo brasileiro com o governo genocida de Jair Bolsonaro. “Fora, Bolsonaro” foi o grito mais ouvido nas ruas, confirmando a queda de popularidade do atual presidente e a urgência do Congresso Nacional pautar o pedido de impeachment
:: Agência PT de Notícias23 de janeiro de 2021 19:37

Manifestações apontam urgência do impeachment de Bolsonaro

:: Agência PT de Notícias23 de janeiro de 2021

Os brasileiros foram às ruas neste final de semana, ocupando as principais avenidas das cidades do país em protesto contra Bolsonaro e seu governo de morte, fome e desemprego. Em balanço preliminar da CUT, foram realizadas carreatas em 87 cidades, incluindo 24 capitais e o Distrito Federal, em defesa das vacinas, do auxílio emergencial, empregos e impeachment. Em Brasília,  São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e Recife mais de mil carros participaram da carreata.

A manifestação em forma de carreata se deve à orientação dos organizadores, em respeito às regras de proteção sanitária. O protesto foi convocado pelos partidos de oposição, pelas frentes Brasil Sem Medo e Brasil Popular, CUT e demais centrais sindicais e entidades do movimento popular. Em algumas cidades, as carreatas foram acompanhadas por mobilizações de bicicletas e outros eventos simbólicos.

O pedido de impeachment de Bolsonaro marcou as manifestações em todas as capitais e cidades, expressando o crescente descontentamento da população com o atual presidente. “Pelas buzinas, faixas e cartazes, nos carros de som, a mensagem foi de que somente sem Bolsonaro no comando do Brasil, o país poderá sobreviver aos próximos tempos”, registrou o site da CUT.

“Fora, Bolsonaro” foi o grito mais ouvido nas ruas, confirmando a queda de popularidade do atual presidente e a urgência do Congresso Nacional pautar o pedido de impeachment. O Partido dos Trabalhadores é autor de quatro dos 62 pedidos junto à Câmara dos Deputados. Além da luta nas ruas, o PT defende a imediata abertura do impeachment de Bolsonaro pela Câmara dos Deputados.

A reação popular confirmou pesquisa do Datafolha divulgada na na sexta-feira (22) apontando a queda de popularidades de Bolsonaro. De acordo com a pesquisa, a minoria que considerava o governo bom ou ótimo está ainda menor. Caiu de 37% para 31%. A queda é a maior desde o início do governo de Bolsonaro.

Leia também