Marta lança financiamento para ações culturais durante a Copa

No futuro estádio do Corinthians, o Itaquerão, ministra apresenta projetos que vão receber R$ 50 milhões

:: Da redação12 de agosto de 2013 14:01

Marta lança financiamento para ações culturais durante a Copa

:: Da redação12 de agosto de 2013

Marta: Editais beneficiam principalmente
pequenos e médios empreendedores

Uma oportunidade para ressaltar aquilo em que o Brasil é reconhecido internacionalmente. Assim, a ministra da Cultura e senadora eleita pelo PT de São Paulo, Marta Suplicy, sintetizou o objetivo das ações de sua pasta para a Copa de 2014, no lançamento de mais recursos para a promoção de eventos durante a mais popular celebração esportiva do mundo.

No lançamento de mais uma parcela de investimentos, durante ato ocorrido no futuro estádio do Corinthians, o Itaquerão, onde ocorrerão os jogos da Copa na cidade-sede de São Paulo, a ministra enumerou as linhas de inventivo:

disponível para os investimentos que estão

“Temos cerca de R$ 19 milhões para a cultura, R$ 17,5 milhões para a revitalização de equipamentos escolhidos pelas cidades-sede, R$ 20 milhões da Petrobrás para museus, R$ 2 milhões flash mob – muito interessante na cultura – e R$ 12 milhões para o espaço cultura fan fests, que acontecerão nas cidades-sede”, disse Marta.

Os flash mob são aglomerações instantâneas que ocorrem de lugares públicas com grande circulação de pessoas para a apresentação de espetáculos que não foram previamente anunciados, com grande impacto pela surpresa provocada.

As fan fests, por sua vez, são eventos programados pela Fifa durante o período dos jogos em pontos turísticos e lugares famosos das cidades-sede, para a exibição de espetáculos e das marcas patrocinam a Copa.

No Itaquerão, Marta Suplicy disse ainda que esses eventos vão servir para divulgar ao mundo os principais símbolos culturais que identificam o País no exterior.

“Temos que preservar este ouro, reconhecido no mundo todo, e ampliar para as maravilhas que as pessoas não conhecem”, enfatizou a ministra, ressaltando que as apresentações incentivarão as manifestações artísticas brasileiras mais reconhecidas no exterior: samba, carnaval, música e futebol. “Este é um edital que eu quero que entre para os pequenos e os médios, porque os grandes já têm patrocínio”, sinalizou.

A principal iniciativa da pasta, no conjunto de ações para a Copa, é o edital do concurso Cultura 2014, que prevê a contratação de, no mínimo, 1.200 apresentações culturais para o período da competição (10 de junho a 15 de julho). Em parceria com os governos estaduais e municipais, terão como objetivo reforçar a programação cultural das cidades-sede.

O Cultura 2014 prevê investimentos em quatro eixos do pilar Conteúdos Culturais, do Plano de Ação do MinC para Grandes Eventos:

 

Brasil Audiovisual, com apresentação da produção audiovisual brasileira atendendo média metragem, documentários, animação e ficção;

Brasil Criativo, com mostras, em formato digital, de artesanato, moda, arquitetura, design e gastronomia, de expressão local, lidando com as ais variadas linguagens da economia criativa;

Brasil Diverso, que promoverá manifestações tradicionais de todos os Estados do País, atividades entre Pontos de Cultura e valorização do patrimônio material e imaterial brasileiro;

Brasil das Artes, com exibições artísticas nas áreas de música, teatro, circo, dança, literatura e artes visuais.

 “O Cultura 2014 vai deixar legado de imagem. Quando acabar a Copa, queremos que nossa imagem tenha mudado, tenha sido ampliada. Desejamos que as pessoas conheçam melhor a grandeza e a diversidade da cultura brasileira”, completou a ministra.

Marta Suplicy citou ainda os equipamentos previstos para a revitalização. Dentre eles, estão o Mercado dos Pinhões, em Fortaleza, o Pátio São Pedro, em Recife, e o Centro Municipal de Arte Helio Oiticica, no Rio de Janeiro.

“O Ministério da Cultura é voltado, sem dúvida nenhuma para a inclusão social. A gente tem tido ações nesse ângulo todo tempo. A gente imagina que essa Copa não pode ser para meia dúzia, tem que ser para o Brasil inteiro. Nós vamos fazer todo o esforço para que assim seja, além de mostrar a nossa identidade brasileira, que é tão diversa, rica e bonita”, finalizou.

A abertura da cerimônia de lançamento contou com a apresentação da Orquestra Filarmônica de Paraisópolis e de poetas do Ponto de Cultura Pombas Urbanas.

EDITAL

As inscrições para o concurso Cultura 2014  estarão abertas a partir de 9 de agosto e segue até 23 de setembro de 2013 e deverão ser feitas exclusivamente pelo sistema SalicWeb, disponível em www.cultura.gov.br. Podem participar pessoas físicas e jurídicas de direito privado, com ou sem fins lucrativos, e grupos não constituídos juridicamente.

Leia também