Marta Suplicy propõe debate sobre profissão de cuidador de idosos

Relatora da matéria que regulamenta a profissão, a senadora quer aprimorar a proposta que está sob consulta pública no Senado.

:: Da redação23 de maio de 2012 18:00

Marta Suplicy propõe debate sobre profissão de cuidador de idosos

:: Da redação23 de maio de 2012

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado irá realizar debate sobre a regulamentação da profissão de cuidador de idoso, prevista no projeto de lei do Senado 284/2011. A iniciativa é da senadora Marta Suplicy (PT-SP), relatora da matéria, que está em consulta pública.

A senadora recebeu um pedido das Universidades de São Paulo (USP) e da Pontifícia Universidade Católica (PUC) para discutir o assunto na capital paulista. São Paulo é o único estado brasileiro que possui uma associação de cuidadores de idosos regulamentada.

A consulta pública para colher opiniões sobre o projeto pretende ajustar a proposta às reais necessidades da categoria e dos próprios idosos no País

O projeto original define o cuidador de idoso como aquele profissional que desempenha a função de acompanhar o idoso em suas atividades diárias, dando apoio emocional, auxiliando-o nas rotinas de cuidados pessoais, higiene e deslocamentos, administrando medicamentos, alimentação etc, em residências ou em instituições.

Entre as mudanças que Marta pretende fazer no projeto, está no grau de formação profissional. Nele, o nível de escolaridade estabelecido para o desempenho da função é o ensino fundamental. Mas, para Marta, o ensino médio seria mais apropriado ao trabalho, porém a exigência não prejudicaria os profissionais que já atuam na área. Também esta em estudo a oferta de cursos de atualização para que esses profissionais possam obter seus registros, aproveitando o conhecimento acumulado com a prática.

Na consulta pública, por meio da página do Senado, Marta Suplicy também quer saber se a atividade de cuidador de idosos deve ser incluída nas ações de saúde pública, como o programa Saúde em Casa.

Em 2025, os idosos poderão ser 31,5 milhões, segundo estimativas do IBGE.  A regulamentação da profissão de cuidador de idoso pode beneficiar cerca de 200 mil de trabalhadores da área.

Couvert

A Comissão de Assuntos Sociais aprovou ainda outro requerimento, da senadora Marta Suplicy, que pede a realização de uma audiência pública para discutir a cobrança de couvert artístico em bares e restaurantes de todo o país. Marta é relatora do PLC 246/2009, que trata da profissão de músico.

Clique aqui para baixar o convite para a audiência pública 

Ouça a entrevista da senadora Marta Suplicy

{play}images/stories/audio/marta_requerimentos_cas.mp3{/play}

Participe da consulta pública sobre a profissão de cuidador de idoso

Leia a íntegra do PLC 246/2009

Leia a íntegra do PLS 284/2011

Leia mais:

Cuidador de idosos: um projeto para mudar a vida de milhões

Alma de cuidador – Marta Suplicy


Leia também