Mujica: brasileiros não se dão contam da importância de Lula

:: Catharine Rocha1 de abril de 2014 19:39

Mujica: brasileiros não se dão contam da importância de Lula

:: Catharine Rocha1 de abril de 2014

Por tê-lo na vida cotidiana do País, brasileiros não dão o valor devido a Lula, diz presidente do Uruguai

Mujica preso político e presidente da República
Oriental do Uruguai burocracia trava maior
integração com o Brasil

O presidente do Uruguai, Pepe Mujica, foi o entrevistado Canal Livre – um dos programas jornalísticos mais representativos do período da ditadura militar –, exibido pela TV Band no último domingo (30). Com a simpatia e franqueza que o transformaram no líder político mais querido das redes sociais, Mujica falou sobre diversos temas – todos com a abordagem original que se tornou sua sua marca registrada. Nenhum assunto polêmico ficou de fora: legalização da maconha, ditadura, futebol, política externa. Sobre todos, Mujica respondeu com segurança. O ex-guerrilheiro tupamaro, grupo de esquerda que enfrentou a ditadura militar uruguaia e passou 16 anos preso em condições miseráveis, hoje é mais do que uma personalidade política original que doa 90% de seu salário para causas populares, dirige seu próprio fusca ano 60 e é visto pelos bairros dividindo uma pizza com seus eleitores.  Mujica conseguiu colocar o Uruguai, um dos menores países do mundo, o “paysito”, como dizem os próprios uruguaios, com apenas 3 milhões de habitantes, no mapa global.

Uma das respostas às indagações dos entrevistadores não passou em branco. “Lula tem sido um grande amigo, uma figura fora de série. Vocês, brasileiros, por tê-lo todos os dias, não se dão conta disso”,

A citação a Lula foi espontânea, em reposta a uma pergunta do diretor de Jornalismo da emissora paulista, Fernando Mitre, que quis saber sobre as relações diplomáticas entre o Brasil e o Uruguai, tendo governantes do campo da esquerda nos dois países,

Mujica destacou, principalmente, o empenho do ex-presidente brasileiro em administrar as preocupações e os interesses da América Latina. Ele foi taxativo: cabe a Lula ao novo patamar alcançado pelo Brasil no contexto internacional. “Eu acredito que o Brasil nunca teve um presidente que desse o prestígio mundial que deu Lula na política exterior, na África, no mundo”, acrescentou Mujica.

Para ele as relações diplomáticas entre Brasil e Uruguai, hoje, são “excelentes”, havendo, segundo ele, uma “integração verdadeira” entre as duas nações está abrindo oportunidades para novas parcerias entre os dois países, como a que irá ampliar os intercâmbios na região de fronteira e a que pretende construir um porto de águas profundas no país vizinho. Se dependesse de Mujica, esses projetos estariam de vento em popa. Mas, atalhou, por ser “um país muito grande, com muitas preocupações”, o Brasil “é lento” para tomar decisões e enfrenta muita “burocracia”.

Confira o trecho da entrevista em que Pepe Mujica fala sobre Lula e o Brasil

Catharine Rocha

Leia mais:

Dilma e Mujica criam grupo de alto nível para aprofundar integração

Por que o Brasil é o país das oportunidades – Luiz Inácio Lula da Silva

Ricardo Bochat – Canal Livre

 

Leia abaixo a trascrição do video

Fábio Panuzzio – O primeiro ato do presidente Lula foi comprar uma avião. Enquanto o senhor vive em um pequeno sítio, com um fusca na garagem e um trator pouco maior que uma cadeira que o senhor mesmo pilota.

PM: Mas o que acontece é que o Brasil é um país gigantesco.

FP – Mas o Uruguai é maior do que o que o senhor vive aqui. O senhor poderia ser um homem apegado ao poder.

Ricardo Boechat – O que a gente quer saber é qual é a química que diferencia tanto o senhor dos presidentes do mundo inteiro, especialmente os seus vizinhos.

Pepe:Eu venho muito de baixo, e muito acima não estou.

FP – Mas como o senhor presidente. Por que o restante dos políticos do mundo inteiro são diferentes do senhor? A gente quer a receita.

Pepe: Sou diferente porque eu gosto de sobriedade. Porque vivi dez anos metido em 2×3 e ficava contente quando à noite me punham um colchão. E comecei a pensar na vida. E não é preciso tanta coisa para viver feliz.Se não aprender… Pobre é o que precisa muito porque não alcança nada.

Fernando Mitre – Quais são as relações do Uruguai com o Brasil?

Pepe: Excelente.

Mitre E do senhor com Lula e Dilma?

Pepe: Lula tem sido um amigo e tem uma grande preocupação pela América. Lula é uma figura fora de série. Vocês, os brasileiros, como o têm cotidianamente, não se dão conta. Eu acredito que o Brasil nunca teve um presidente que chegou, que lhe dera um prestígio mundial como deu Lula ao Brasil. Na política exterior, na África, no mundo.

Agora… A relação com o Brasil é excelente. E acredito que é uma relação de integração verdadeira. Estamos resolvendo alguns problemas importantes. Eu opino que em pouco tempo, a fronteira será uma coisa aberta para ir e vir. E demos passos muito fortes na integração e tenho a certeza de que Brasil vai ajudar no porto de construção de água profunda, que vai ser um porto da região, também brasileiro.

O Paraná também tem que ser um rio brasileiro. Para sair de Mato grosso, do Porto de Cáceres. Já Portugal pensava nisso. Se não integrarmos a região e o Brasil tem clara essa política de ajuda. É um país muito grande, tem muitas preocupações, mas também é lento. Como dizem eles: a burocracia.

 

Leia também