Na mídia: operação ausência para livrar Demóstenes da cassação

Jornal O Globo revela também que, preocupados com esta possibilidade, outro grupo de senadores estaria estimulando parlamentares a revelar seus votos.

:: Da redação1 de junho de 2012 20:16

Na mídia: operação ausência para livrar Demóstenes da cassação

:: Da redação1 de junho de 2012

O senador Demóstenes Torres (ex-DEM-GO) pode se livrar da cassação do mandato mesmo diante das inúmeras denúncias que apontam o seu envolvimento do parlamentar com a rede criminosa do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. A informação é do jornal O Globo desta sexta-feira (01/06), que estampa em sua a capa a matéria “Senadores planejam ausência para salvar colega Demóstenes”, afirmando que um grupo de senadores estaria se mobilizando para salvar o senador goiano. A estratégia, segundo a reportagem, seria esvaziar a votação do relatório do senador Humberto Costa (PT-PE) no Conselho de Ética, que pode pedir a cassação do mandato.

Segundo a Constituição Brasileira, são necessários pelos menos 41 votos favoráveis para haver cassação. Por isso, as ausências no dia da votação podem prejudicar o resultado. No entanto, a matéria do O Globo destaca que os senadores Humberto, Ana Amélia Lemos (PP-RS), Pedro Taques (PDT-MT) e Rodrigo Rollemberg (PSB-DF) estudam medidas que forcem os pares a permanecer em Brasília – estimular senadores a abrir seus votos e convencê-lo a ficar em Brasília no dia da votação em plenário. O voto para cassação de mandato é aberto no Conselho de Ética e fechado no plenário.

Nesta semana, o senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) tomou a iniciativa de entrar com um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) para garantir a divulgação eletrônica de seu voto.

A suspeita de que o caso pode terminar em pizza nasceu no depoimento de Demóstenes no Conselho, na última terça-feira (29/05). Na ocasião, ele afirmou que existem colegas que, reservadamente, lhe dizem que consideram os delitos a que responde menores do que o alarmado e confessam que podem absolvê-lo.

Com informações de O Globo

Veja a íntegra da matéria do Globo, intitulada “Senadores devem se ausentar para evitar cassação de Demóstenes”

Leia também