Trabalho Escravo

ONU pede que Brasil desista de portaria

Esta portaria coloca o Brasil em risco de dar um passo atrás na forma como regula os negócios
:: Rede Brasil Atual10 de novembro de 2017 10:37

ONU pede que Brasil desista de portaria

:: Rede Brasil Atual10 de novembro de 2017

“O Brasil tem muitas vezes desempenhado um papel de liderança na luta contra a escravidão moderna, por isso é surpreendente e decepcionante ver medidas que poderiam fazer o país perder terreno nesta frente”, afirmam especialistas em direitos humanos da Organização das Nações Unidas (ONU), em referência à Portaria 1.129, do Ministério do Trabalho.

Eles pedem que o Brasil desista da portaria que flexibiliza as regras de fiscalização do trabalho análogo à escravidão, atualmente suspensa por decisão provisória do Supremo Tribunal Federal (STF).

Confira a íntegra da matéria

 

 

Leia também