Pinheirinho: TV Folha mostra o que restou da comunidade

Reportagem mostra que os moradores de Pinheirinho tiveram apenas três dias para tentar retirar seus pertences.

:: Da redação13 de fevereiro de 2012 14:14

Pinheirinho: TV Folha mostra o que restou da comunidade

:: Da redação13 de fevereiro de 2012

As imagens da comunidade de Pinheiro, em São José dos Campos (SP), após a reintegração de posse realizada em janeiro assemelham-se a cenas de caos vistas após a passagem de um furacão. Escombros formados por restos de construção civil, eletrodomésticos, brinquedos, cadernos e CDs foram filmados pela TV Folha em uma reportagem que mostra as famílias da região amontoadas em abrigos, vivendo de suas lembranças.

No vídeo, a repórter Laura Capriglione conta que acompanhou a ação e lembra que os moradores de Pinheirinho tiveram apenas três dias para tentar retirar seus pertences da comunidade. Tempo insuficiente para que 9.000 pessoas conseguissem desocupar a área. Situação que fica clara no depoimento da costureira Josefa Gonçalves Diniz, de 75 anos, que só conseguiu salvar o aparelho de medir pressão, porque no último dia de reintegração os caminhões da prefeitura pararam de ajudar com a “mudança”.

Atualmente o governo do estado está fornecendo uma ajuda de mil reais mensais às famílias desabrigadas para que aluguem algum lugar. O problema, segundo Capriglione, é que a intensa procura inflacionou o aluguel e em função disse os antigos moradores de Pinheirinho estão sendo obrigados a se mudarem para algumas áreas de risco.

Com Folha.com

Veja o vídeo da TV Folha 

Veja as fotos de Pinheirinho

Leia a íntegra da matéria.

Leia mais

Pinheirinho: Observatório da Imprensa diz que grande mídia está em xeque

Ato de juristas em defesa das famílias do Pinheirinho

Audiência sobre desocupação de Pinheirinho será no dia 23

Paim quer caso Pinheirinho na Comissão de Direitos Humanos

Suplicy ouviu relatos de violência sexual cometida pela PM no Pinheirinho

Leia também