Preço da gasolina já subiu três vezes só em 2017, alerta Humberto

:: Da redação25 de janeiro de 2017 11:07

Preço da gasolina já subiu três vezes só em 2017, alerta Humberto

:: Da redação25 de janeiro de 2017

Antes e durante o processo de impeachment, os atuais integrantes do governo golpista de Michel Temer alardeavam que bastava retirar do poder a presidenta eleita pelo voto popular e democrático, Dilma Rousseff, para que todos os problemas do País fossem resolvidos, principalmente na economia.

Reclamavam que a política de preços dos combustíveis no Brasil, por exemplo, deveria estar atrelada automaticamente ao preço do petróleo no mercado internacional. Agora os golpistas que mentiram e iludiram jogam para a sociedade a obrigação de pagar o pato, porque só neste mês já aconteceram três aumentos de preço da gasolina, denúncia o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PT-PE).

Pela terceira semana consecutiva, de acordo com o sistema de levantamento de preços da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o valor médio do litro da gasolina cobrado em todo o Brasil avançou e passou para R$ 3,774, acumulando alta de 0,51% neste ano. E a tendência é aumentar, porque o preço do petróleo no mercado internacional dá sinais de que continuará subindo.

De acordo com a ANP, o preço médio do diesel pulou de R$ 3,085 por litro para R$ 3,108 (alta de 0,75% na semana). Não é à toa que caminhoneiros de todos os cantos do País criticam que o que recebem pelo frete já não compensam por causa do diesel caro. O etanol também subiu, passando de R$ 2,913 para R$ 2,931 (alta de 0,62%). A ANP consultou quase 5,7 mil postos para calcular a média da taxa da gasolina, 5,1 mil para o etanol e 3,5 mil para o diesel, entre os dias 15 e 21 de janeiro. Em Pernambuco, no município de Araripina, o preço médio está em R$ 4,069, bem acima da média nacional.

“Os golpistas alardeavam País afora que todos os problemas da economia brasileira seriam resolvidos assim que tirassem a presidenta Dilma do poder, pois ela seria o principal motivo da instabilidade do Brasil. Sempre que um dado como esse da ANP, divulgado ontem, vem à tona, fica provado o quanto esse argumento era mentiroso”, afirmou Humberto.

Segundo ele, a situação financeira do País, infelizmente, só tende a piorar, pois “Temer e o governo como um todo são fracos, corruptos e atuam de maneira criminosa contra os direitos fundamentais dos trabalhadores brasileiros”.

Para Humberto, uma mudança nos rumos da economia brasileira e também uma solução para contornar a atual crise política e moral que vive a nação só irão ocorrer com a realização de eleições diretas para a Presidência da República.

“Temer, o PMDB e os seus aliados já demonstraram claramente que não têm capacidade, além de legitimidade, para governar o Brasil. Nadam num mar de lama, perdidos, sem tomarem qualquer iniciativa positiva que dê um alento ao cidadão. Os eleitores têm o direito de escolher um novo chefe de Estado”, avalia.

Com informações do Blog de Humberto

Leia também