Professores e policiais serão qualificados para atuar nas escolas

:: Da redação8 de dezembro de 2011 12:57

Professores e policiais serão qualificados para atuar nas escolas

:: Da redação8 de dezembro de 2011

Mais de 40 mil instituições públicas de ensino serão beneficiadas

O Programa de Prevenção do Uso de Drogas na Escola capacitará 210 mil educadores e 3,3 mil policiais militares do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), para prevenção em 42 mil escolas públicas. Estima-se que serão beneficiados 2,8 milhões de alunos por ano. Já o Programa de Prevenção na Comunidade prevê capacitação também de 170 mil líderes comunitários até 2014.

Os atuais 49 Centros de Regionais de Referência – que funcionam junto a instituições públicas de ensino superior – serão ampliados para 65 e oferecerão 122 mil vagas para formação permanente de profissionais de saúde, assistência social, justiça e segurança pública.

Nos próximos anos, serão oferecidas 250 mil vagas em cursos a distância para líderes comunitários, conselheiros municipais, profissionais de saúde e assistência social e operadores de direito.

População receberá orientações por campanhas e serviços telefônicos e on line

O plano contra o Crack e outras drogas prevê campanhas específicas para informar, orientar e prevenir a população sobre o uso do crack e de outras drogas, nos meios de comunicação.

O serviço de atendimento telefônico gratuito de orientação e informação sobre drogas VivaVoz passará de 0800 para o número de três dígitos 132, para facilitar o acesso do cidadão.

E o Portal Enfrentando o Crack  reúne as informações sobre o tema. http://www.brasil.gov.br/enfrentandoocrack

Em Questão

Leia também