Direitos iguais

Projeto garante prótese para pessoas com visão monocular

:: Da redação6 de novembro de 2019 18:36

Projeto garante prótese para pessoas com visão monocular

:: Da redação6 de novembro de 2019

O Senado Federal aprovou a Lei Amália Barros que garante a pessoas cegas de um olho todos direitos do Estatuto da Pessoa com Deficiência, de autoria do senador Rogério de Carvalho (PT-SE).

“A deficiência é real. Quem não tem um olho, não tem um olho. É um problema físico que impacta na vida. Eu não posso ser motorista profissional, nem cirurgião”, explica o senador Rogério Carvalho. “Prótese ocular não é estética, é dignidade”, destaca o senador.

A lei ganhou o nome de Amália Barros em homenagem à jornalista e deficiente monocular, militante dos direitos dos deficientes monoculares. Ela perdeu a visão de um olho aos 20 anos, por complicações da toxoplasmose.

“Agora o Projeto de Lei segue para Câmara dos Deputados. E temos certeza de que os parlamentares daquela Casa terão a mesma visão e sensibilidade dos nossos pares”, afirmou o senador petista.

📌Pouco antes da votação de ontem do nosso Projeto de Lei dos Monoculares, recebemos a visita do Seu José Helson de Araújo que é monocular e queria nos dar um abraço pela iniciativa de fazer justiça para os monoculares, mesmo depois de tantos anos. 📌 Seu José Helson nos contou que perdeu a visão aos nove anos numa brincadeira de criança com um chaveiro, e que foram várias limitações por isso ao longo da vida. 📌 O professor Helson só conseguiu ter os 4 mil alunos dele devido a um gesto de amor ao próximo. É este o sentimento que nos moveu na luta pela causa monocular. Não é um favor, é um direito! 📌 Agora, pedimos aos colegas parlamentares da Câmara Federal que nos ajude a transformar o sonho monocular em realidade! #monoculares#monocular#leiamaliabarros @ptnosenado

Publicado por Rogério Carvalho em Quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Leia também