Conselho de Ética

PT assina recurso para que processo contra Aécio continue

As gravações telefônicas mostram que o senador pediu dinheiro ao dono do frigorífico JBS, Joesley Batista, para custear defesa na Operação Lava Jato
:: Da redação27 de junho de 2017 11:33

PT assina recurso para que processo contra Aécio continue

:: Da redação27 de junho de 2017

O senador José Pimentel (PT-CE) e a senadora Regina Sousa (PT-PI) assinaram nesta segunda-feira o recurso para desarquivar representação contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado.

Na última sexta-feira (23/6) o presidente do Conselho de Ética, senador João Alberto Souza (PMDB-MA), indeferiu de ofício a representação, alegando “falta de provas”. O recurso deverá ser analisado pelo plenário do Conselho, que decidirá, por maioria simples, se a ação contra Aécio deve prosseguir.

Os parlamentares signatários do recurso argumentam que as gravações telefônicas autorizadas pela Justiça evidenciaram que o senador pediu dinheiro ao dono do frigorífico JBS, Joesley Batista, para custear sua defesa na Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

Leia também