Liberdade de imprensa

PT repudia a condução arbitrária de Eduardo Guimarães

Blogueiro foi preso aos moldes dos tempos da Ditadura Militar, sob a acusação de supostos vazamentos sobre a condução coercitiva de Lula
:: Fernando Rosa21 de março de 2017 12:38

PT repudia a condução arbitrária de Eduardo Guimarães

:: Fernando Rosa21 de março de 2017

A Bancada dos deputados estaduais do PT suspendeu suas atividades nesta terça-feira (21), em solidariedade ao blogueiro, editor do Blog da Cidadania, Eduardo Guimarães, conduzido coercitivamente pela Polícia Federal, sob acusação de supostos vazamentos. Os deputados José Zico Prado, líder da Bancada e Alencar Santana Braga se dirigiram à sede da Superintendência da Policial Polícia Federal de São Paulo, na Lapa. Leia abaixo nota de repúdio na íntegra:

NOTA:

A Bancada dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa se junta ao elo de protestos e indignação ao atentado à democracia e a liberdade de imprensa que atingiu o blogueiro Eduardo Guimarães, editor do Blog da Cidadania, levado coercitivamente à Superintendência da Polícia Federal de São Paulo, nesta terça- feira, às 6h da manhã.

Aos moldes dos tempos sombrios da Ditadura Militar, o blogueiro está incomunicável, sem acesso a advogados e direito de defesa, sob a acusação de supostos vazamentos sobre a condução coercitiva do ex- presidente Lula, em março do ano passado.

Diariamente a mídia brasileira noticia delações e fatos de maneira seletiva e mesmo assim tem garantido o exercício à liberdade de imprensa, expressão e garantia de sigilo à fonte, asseguradas na Constituição Federal.

Os deputados estaduais do Partido dos Trabalhadores condenam a censura e a autoritária ação da Polícia Federal, que aos moldes do Estado de Exceção querem calar a democracia e a imprensa, e se colocam na trincheira em defesa do companheiro Eduardo Guimarães.

Depoimento de Eduardo Guimarães após ser solto:

#AoVivo Os Jornalistas Livres estão na Polícia Federal da Lapa, em São Paulo. O caso é gravíssimo. O blogueiro Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania, foi retirado da casa dele, que fica no Paraíso, na zona Sul de São Paulo, às 6h.A PF chegou ao apartamento às cinco da madrugada . Não permitiu que o porteiro interfonasse e esmurrou a porta da casa.O agentes reviraram todo o apartamento e aprenderam os celulares da família e o computador pessoal do Eduardo. Ele foi conduzido no carro da PF para a superintendência da Lapa.Eduardo Guimarães teria sido preso por ter denunciado que a PF estava avisando/vazando para jornalistas da mídia golpista a iminente condução coercitiva do Lula.

Publicado por Jornalistas Livres em Terça, 21 de março de 2017

Reprodução autorizada mediante citação do site PT no Senado

Leia também