Áudio

“Queremos intervenção em saúde e educação, não de soldados”, diz moradora da Maré

Comunicadora popular, Gizele Martins diz que "objetivo do Estado não é segurança pública, e sim controlar nossas vidas"
:: Brasil de Fato21 de fevereiro de 2018 09:40

“Queremos intervenção em saúde e educação, não de soldados”, diz moradora da Maré

:: Brasil de Fato21 de fevereiro de 2018

Se o player não tocar, clique aqui

 

A gente nunca vê uma intervenção na favela ou algum tipo de investimento em saúde, educação. Temos mais de mil favelas no Rio de Janeiro que em nenhum momento receberam qualquer tipo de direito à moradia”. A afirmação é da comunicadora comunitária Gizele Martins, que também é moradora do Complexo Maré, um dos maiores do estado do Rio de Janeiro, ao comentar sobre a intervenção militar decretada pelo governo golpista de Michel Temer (MDB), e pela Câmara de Deputados, na madrugada desta terça-feira (20).

Fonte: https://www.brasildefato.com.br/2018/02/20/queremos-intervencao-em-saude-e-educacao-nao-de-soldados-diz-moradora-da-mare/

Leia também