Saúde esclarece erro em número de médicos divulgado pela OMS

:: Da redação13 de novembro de 2013 15:15

Saúde esclarece erro em número de médicos divulgado pela OMS

:: Da redação13 de novembro de 2013

A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconheceu, no fim da segunda-feira (11), erro nos dados do Brasil divulgados em relatório sobre déficit global de recursos humanos. O Brasil está entre os 100 países do mundo com número de profissionais de saúde abaixo do ideal para uma cobertura universal de saúde.

Segundo a OMS, um país deve ter no mínimo 34,5 profissionais de saúde por 10 mil habitantes para que toda sua população tenha acesso à saúde, sendo que o índice brasileiro é de 31,4. Para o cálculo, são considerados não apenas o número de médicos, mas também de enfermeiros e parteiras.

O relatório da OMS aponta déficit global de 7,2 milhões de profissionais de saúde, com situação mais crítica na Ásia e África.

O Brasil, embora abaixo do ideal para uma cobertura universal de saúde, tem mais do que o mínimo de profissionais de saúde por habitantes para promover cobertura mais básica de saúde à população – 22,8 por 10 mil, segundo a OMS.

Blog da Saúde
 

Leia mais:

Organização Mundial da Saúde destaca Mais Médicos

Leia também