Senador participa de entrega do Prêmio Chico Mendes

“É preciso manter viva a memória da luta do Chico, que foi uma luta que custou muito alto”.

:: Da redação17 de dezembro de 2012 14:39

Senador participa de entrega do Prêmio Chico Mendes

:: Da redação17 de dezembro de 2012

 

Para Aníbal, a realização do Prêmio é uma das justas homenagens a vida e luta de Chico Mendes em favor do meio ambiente e causa indigenista. “É preciso manter viva a memória da luta do Chico, que foi uma luta que custou muito alto. Imagine que no tempo do Chico, ele lutou praticamente sozinho. Não tinha Governo, nem apoio institucional e por isso era muito mais difícil e mesmo assim ele enfrentou”, lembrou o senador, ressaltando ainda que o Prêmio engrandece o currículo de quem o recebe.

Conferido anualmente pelo Governo do Estado, por meio da Fundação de Cultura Elias Mansour, o Prêmio Chico Mendes de Florestania tem por finalidade reconhecer e estimular as atividades, programas, ações e iniciativas que trazem como objetivo consolidar o conceito de Florestania.

Premiados

Aos premiados foram entregues o Certificado de Reconhecimento e o troféu Castanha de Bronze, feito com madeira certificada. O professor doutor Irving Foster Brown foi o ganhador da Categoria Nacional/Internacional, e a Cooperativa de Trabalho do Acre (Cootac), recebeu o prêmio da Categoria Estadual. E a Associação de Moradores e Produtores do Projeto Agroextrativista Chico Mendes (AMPPAE – CM) receberá um cheque no valor de R$10 mil como apoio às iniciativas em favor do desenvolvimento econômico sustentável, pela categoria Iniciativa Comunitária.

Com informações da Assessoria de Imprensa do senador Aníbal Diniz

Leia mais

Economist diz que Acre tem muito a ensinar sobre crescimento sustentável

Leia também