Senador Suplicy destaca lançamento do Pronatec 2.0

Suplicy : “O Pronatec é esse lugar especial onde se une social e econômico”Com a presença da jovem Cárita Nepocumeno Almeida e de sua mãe, Dirce Nepomuceno, em plenário, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) destacou, nesta quarta-feira (18), o lançamento da segunda etapa do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

:: Da redação18 de junho de 2014 18:57

Senador Suplicy destaca lançamento do Pronatec 2.0

:: Da redação18 de junho de 2014

A jovem e sua mãe foram homenageadas na cerimônia de lançamento da segunda etapa do Programa, durante cerimônia realizada no Palácio do Planalto, nesta quarta pela manhã. O senador petista, em seu pronunciamento, relatou que a ideia do Governo Federal é oferecer mais 12 milhões de vagas em 220 cursos profissionalizantes e 646 de qualificação a partir de 2015.

Até o final de 2014, lembrou Suplicy, cerca de oito milhões de pessoas deverão estar matriculadas no Pronatec, que tem um papel “decisivo e inclusivo” por causa da gratuidade dos cursos.

“O ministro da educação, Henrique Paim, lembrou a determinação da presidente da República que priorizou a formação empreendedora no Pronatec. Por conta disso, afirmou que o Governo se articulou com o Sebrae e outras instituições para trabalhar conteúdos específicos e ofertar cursos voltados para micro e pequenas empresas e para o microempreendedor individual”, afirmou.

O senador também destacou o pronunciamento da presidenta Dilma Rousseff, durante o lançamento do Pronatec 2.0, quando ela ressaltou a necessidade de o País dar um salto na área da inovação de alta complexidade e investimento em infraestrutura. E a presidenta acredita que o Pronatec deva ser o caminho para a especialização dos brasileiros.

“O Pronatec é esse lugar especial onde se une social e econômico. Porque cada vez mais nosso País terá que ser integrado por técnicos, cientistas e pesquisadores. Mas temos que ter técnicos capazes de agregar valor ao produto e renda à família”, ressaltou o senador, citando trecho do discurso da presidenta.

Leia também