Suplicy é parabenizado pela lei da Renda Básica da Cidadania

:: Da redação28 de maio de 2012 22:19

Suplicy é parabenizado pela lei da Renda Básica da Cidadania

:: Da redação28 de maio de 2012

Ao participar, nesta segunda-feira (28/05), da abertura do V Congresso Brasileiro de Comunicação, no World Trade Center, em São Paulo, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) foi surpreendido pelas palavras do Bispo Desmond Tutu – Premio Nobel da Paz, que enalteceu a importância da liberdade de expressão, no Brasil, e as diferenças do País que ele conheceu na década de 70 – quando aqui esteve em um encontro com D. Helder Câmara – com o de hoje.

O Bispo mencionou a classificação do Brasil em 84º lugar na lista dos países com Índice de Desenvolvimento Humano alto e afirmou que sabia que o país estava se dedicando a erradicar a pobreza absoluta, inclusive com a aprovação de uma Lei que instituiu a Renda Básica de Cidadania incondicional para todos (Lei 10.835 de 08/01/2004) e que seu autor era o senador Eduardo Suplicy. Disse, ainda, que acreditava que o Senador estivesse entre os presentes.

Surpreso, Suplicy se levantou e foi aplaudido pelos presentes. Ao final da palestra, o Senador entregou ao Bispo Desmond Tutu seu livro “Renda Básica – A saída é pela porta” e contou que em novembro de 2006, em Cape Town, na África do Sul, ao participar do XI Encontro Internacional da BIEN – Basic Income Earth Network, assistiu à palestra na qual Desmond Tutu conclamou todos os presentes a lutar pela implantação da renda básica em todos os países.

Assessoria de Imprensa do senador Eduardo Suplicy

Veja o texto anexo

Leia também