Suplicy elogia discurso do presidente Pepe Mujica na ONU

O Presidente do Uruguai, dentre outras coisas, denunciou as mazelas da sociedade capitalista.

:: Da redação2 de outubro de 2013 21:44

Suplicy elogia discurso do presidente Pepe Mujica na ONU

:: Da redação2 de outubro de 2013

“Pepe Mujica fez um discurso notável”

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) destacou, em discurso ao Plenário, nesta quarta-feira (2), a participação relevante Brasil e do Uruguai na última Assembléia Geral das Nações Unidas, realizada no início do mês, em Nova Iorque, nos Estado Unidos. “A presidenta Dilma Rousseff manifestou os anseios do Governo e do povo brasileiro sobre as atividades de uma rede global de espionagem eletrônica que provocaram indignação e repúdio em amplos setores da opinião pública mundial”, lembrou Suplicy.

Ele elogiou a explicitação pública do protesto feito por Dilma ao governo norte-americano e a exigência de explicações desculpas e garantias de que tais procedimentos não serão repetidos. O senador também louvou a denúncia do presidente uruguaio, José Mujica, das mazelas da sociedade capitalista, “do mundo que muitas vezes utiliza-se dos instrumentos de guerra no momento em que deveríamos passar da pré-história para o momento de efetivo avanço da humanidade”.

Mujica fez um balanço sobre o estado das artes no mundo. Não foi uma análise de conjuntura política tradicional, mas uma fala sobre a vida, sobre como andamos, sobre como estamos regredindo enquanto civilização, presos à religião do mercado que substituiu os velhos deuses imateriais pelos antivalores do consumismo e da acumulação. Estamos criando uma civilização contra a liberdade e contra a vida, alertou: “A nossa civilização montou um desafio mentiroso sempre dirigido pela acumulação e pelo mercado. Essa civilização nos acena uma vida com abundância e esbanjamento, mas produz, na verdade, uma conta regressiva contra a natureza e contra a humanidade como futuro. É uma civilização contra s simplicidade, contra a sobriedade e contra todos os ciclos naturais. Pior ainda, uma civilização que é contra a liberdade que supõe ter tempo livre para viver as relações humanas, a única coisa transcendente que temos: amor, amizade, aventura, solidariedade, família”.

“Pepe Mujica fez um discurso notável. Eu recomendo a todos os brasileiros que leiam esse discurso que teve na Internet uma repercussão mais forte do que os discursos do Presidente Barack Obama, do próprio Presidente do Irã, da própria Presidenta Dilma Rousseff”. O senador Paulo Paim (PT-RS), que presidia a sessão, também elogiou a manifestação do líder uruguaio. “Li na íntegra, linha por linha, por três vezes, o discurso do Presidente Mujica e, de fato, é um dos melhores que li ao longo da minha vida”.

Leia também