SUS incorpora exame de imagem para monitorar pacientes com câncer

:: Da redação23 de abril de 2014 18:38

SUS incorpora exame de imagem para monitorar pacientes com câncer

:: Da redação23 de abril de 2014

Equipamento PET-CT é usado para diagnosticar estágio do câncer, ocorrência de metástase e avaliação de resposta ao tratamento.

O Ministério da Saúde anunciou que o uso do equipamento PET-CT para detecção de câncer será incorporado ao Sistema Único de Saúde. Três portarias publicadas no Diário Oficial da União, desta quarta-feira (23), abordam o uso do equipamento, já em vigor.

O PET-CT é um equipamento que faz associação entre tomografia por emissão de pósitrons e a tomografia computadorizada. A tecnologia é uma aposta para a revolução na identificação precoce e tratamento eficaz do câncer. O exame é útil na investigação de doença metastática em doentes de alto risco em tumor com grande possibilidade de ser ressecado, em particular nos casos de metástase hepática isolada. Um estudo para que o PET-CT fosse incorporado ao SUS já vinha sendo feito desde 2012.

Segundo as portarias publicadas no Diário Oficial da União, o PET-CT será usado para a detecção de metástase de câncer colorretal, estadiamento clínico do câncer (estágio da doença) de pulmão de células não pequenas e estadiamento e avaliação da resposta ao tratamento do linfoma de Hodgkin e linfoma não Hodgkin.

Linfoma de Hodgkin é uma forma de câncer que se origina nos linfonodos (gânglios) do sistema linfático, um conjunto composto por órgãos, tecidos que produzem células responsáveis pela imunidade e vasos que conduzem estas células através do corpo.

Contra o câncer
Existem hoje 276 hospitais habilitados no tratamento do câncer. Todos os estados brasileiros têm pelo menos um hospital habilitado em oncologia, onde o paciente com câncer encontra desde um exame até cirurgias mais complexas.

Cabe às secretarias estaduais e municipais de Saúde organizar o atendimento dos pacientes na rede assistencial, definindo para que hospitais os pacientes, que precisam entrar no sistema público de saúde por meio da Rede de Atenção Básica.

Com informações do Portal Brasil

Leia mais:

SUS: tratamento de câncer terá mais 11 cirurgias

 

Tratamento para câncer pelo SUS terá de começar em dois meses

Leia também