A voz das ruas

Unidos pelo Brasil: Previdência fica, Temer e golpistas saem

Temer enfrentou uma avalanche de vaias e palavras-de-ordem pedindo a sua saída em todas as ruas do Brasil, de Sul a Norte
:: Fernando Rosa1 de março de 2017 10:06

Unidos pelo Brasil: Previdência fica, Temer e golpistas saem

:: Fernando Rosa1 de março de 2017

Neste final de semana de Carnaval, enquanto o senador Paulo Paim – tema da escola Unidos das Vilas – desfilava nas ruas de Venâncio Aires, no interior do Rio Grande do Sul, o Brasil gritava “Fora Temer” em todas as regiões. Na festa, brasileiros e brasileiras demonstraram sua disposição de afastar o governo entreguista e contrário aos seus direitos.

Paim (PT-RS) ganhou os aplausos do público gaúcho devido ao seu trabalho em defesa da classe trabalhadora, em especial contra as reformas da Previdência e Trabalhista. Além de lutar para impedir qualquer perda de direitos, o senador encabeça um pedido de CPI para investigar as contas da Previdência. Ele participou, também, de vários eventos sobre o mesmo tema no Rio Grande Grande do Sul, desde a sexta-feira.

O pedido de abertura de CPI conta com 29 assinaturas (veja o quadro abaixo). O pedido para abertura de uma CPI no Senado, destinada a investigar as contas da Previdência Social, já tem as assinaturas suficientes desde quarta-feira (22). “Já temos 29 assinaturas”, comemorou o senador Paulo Paim, “mas continuamos a coleta para garantir a instalação da CPI”.

Assim como ele, outros integrantes da Bancada do PT no Senado aproveitaram o período de carnaval para participar de seminários e eventos contra a reforma da Previdência. Nesta segunda-feira, a senadora Gleisi Hoffmann, ao lado do senador Roberto Requião (PMDB-PR), participou de debate na cidade de Francisco Beltrão, no interior do Paraná.

A senadora Gleisi publicou também, no portal Brasil 247, artigo intitulado “A reforma da Previdência e os minutos de terrorismo“, em que denuncia a ação do governo contra os direitos trabalhistas. Outros artigos e notas técnicas estão disponíveis em nossa área de Argumentos, no menu acima.

Imagem: Facebook

Fora Temer

Já Temer enfrentou uma avalanche de vaias e palavras-de-ordem pedindo a sua saída em todas as ruas do Brasil, de Sul a Norte. De Macapá (veja imagem do Facebook acima) a Porto Alegre, passando por Salvador, São Paulo, Recife, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre e na maioria das capitais, os blocos de rua pediram a imediata saída de Temer e de “todos os golpistas”.

No final de semana, informação do blog do jornalista Lauro Jardim, no Globo, informava que o juiz Herman Benjamin, relator no TSE das ações eleitorais contra a chapa Dilma-Temer, vai “endurecer seu voto”, sem dividir a chapa.

Reprodução autorizada mediante citação do site PT no Senado

Leia também