Veja as medidas anunciadas pelo ministro Guido Mantega

:: Da redação3 de abril de 2012 14:30

Veja as medidas anunciadas pelo ministro Guido Mantega

:: Da redação3 de abril de 2012

Durante cerimônia no Palácio do Planalto, o Governo Federal anuncia novas medidas do Plano Brasil Maior – desoneração de tributos, estímulo à produção naciona e defesa comercial serão utilizadas para o Brasil enfrentar a crise mundial. 

Veja quais são medidas:

1) Ações sobre o CÂMBIO

2) MEDIDAS TRIBUTÁRIAS

•Desoneração da Folha de Pagamentos

•Desoneração do IPI

•Desoneração da infraestrutura: REPORTO

•Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica

•Postergação do pagamento do PIS-COFINS

3) Estímulo à PRODUÇÃO NACIONAL

•Compras Governamentais

4) Financiamento do COMÉRCIO EXTERIOR

5) DEFESA COMERCIAL

6) Incentivos ao setor de INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES

•Plano Nacional de Banda Larga

•Programa “Um Computador por Aluno”

•Semicondutores (PADIS)

7) Medidas creditícias: PSI–4

•Aumento do volume de crédito

•Redução de taxas de juros

•Aumento do prazo e da cobertura

8) REGIME AUTOMOTIVO

 

Veja a apresentação completa do ministro da Fazenda, Guido Mantega.

 

Atenção especial

Na manhã desta terça-feira (03/04), a presidenta Dilma Rousseff afirmou, na coluna Conversa com a Presidenta, que o Governo esta adotando novas medidas para defender a indústria brasileira e evitar a competição “desleal” de alguns países. 

“O governo dedica atenção especial à competitividade da indústria brasileira. Nesta terça-feira, por exemplo, estamos anunciando novas medidas para estimular o investimento, fortalecer a produção e a geração de empregos no Brasil. Como temos um grande mercado consumidor, os outros países querem exportar para o Brasil, muitas vezes competindo de forma desleal com os produtos brasileiros”.

Segundo a presidenta, algumas medidas já foram tomadas para defender o mercado nacional e garantir o crescimento da produção e do emprego.

“Entre as medidas que já adotamos para defender nosso mercado, estão o aperfeiçoamento de instrumentos de defesa comercial, ações para evitar valorização excessiva do real, e redução de tributos e de juros, para estimular o investimento produtivo e desestimular o especulativo. A nossa resposta principal está consolidada no Plano Brasil Maior, lançado no ano passado, e que hoje será reforçado com novas medidas de incentivo ao setor produtivo nacional. Nosso desafio é garantir que a produção e o emprego continuem crescendo no Brasil e também que os consumidores brasileiros tenham acesso a produtos cada vez melhores e mais baratos”.

Com informações do Blog do Planalto

 

Leia também