Gleisi Hoffmann

Luta pela liberdade de Lula é por justiça, soberania e direitos

Durante evento no Rio Grande do Norte, a presidenta nacional do PT lembrou que a liberdade de Lula significa o embate ao entreguismo e servidão de Bolsonaro
:: Agência PT de Notícias18 de maio de 2019 23:59

Luta pela liberdade de Lula é por justiça, soberania e direitos

:: Agência PT de Notícias18 de maio de 2019

“Hoje não é segredo para ninguém que o Departamento de Estado dos Estados Unidos atua ativamente para interferir no Brasil. Eles entram aqui e levam todas informações estratégicas com colaboração da Lava Jato, que não foi apenas uma operação interna. Foi uma coisa para subjugar o país de novo. E aí puseram um presidente que está cumprindo esta função. Por isso Moro virou ministro da Justiça”.

A afirmação é da presidenta nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann, durante  encontro com a militância em Natal, no Rio Grande do Norte, que contou a participação do presidente do PT de Natal, Raoni Fernandes, e o presidente do Diretório Estadual, Júnior Souto.
Ao longo do evento, Gleisi avaliou o desastroso governo de Jair Bolsonaro (PSL) e ainda destacou a importância da luta pela soberania do Brasil. A presidente lembrou que a prisão política de Lula vai além de tirá-lo da corrida eleitoral de 2018. O ex-presidente é perseguido justamente por ter sido o líder que desafiou o imperialismo estadunidense.

“A prisão de Lula para nós tem uma centralidade no sentido da sua liberdade, mas também da sua luta. Não é só porque ele foi injustiçado, em um processo sem crime e sem prova. Lula simboliza a soberania brasileira e as conquistas do povo brasileiro”

Gleisi Hoffmann, deputada federal (PT-PR) e presidente nacional do PT

Bolsonaro incompetente

Ainda segundo Gleisi, a liberdade de Lula significa um embate direto com entreguismo de Bolsonaro, que foi eleito com com a aglutinação de grupos que buscam atender os interesses dos EUA e do capital financeiro. Ocorre, no entanto, que o despreparo de Jair, somada a agenda anti-povo promovida pelo governo, pode trazer graves consequências para o país, como a liberação de posse e armas, por exemplo.

“O decreto de liberação de armas não foi feito para a população se sentir mais segura, foi feito para facilitar a vida das milícias. É para miliciano ter acesso a armas pesadas”, criticou Gleisi. A presidenta também comentou a recente trapalhada de Bolsonaro, que divulgou um texto de “autor desconhecido” que fala de pressões dos poderes e dificuldades de governar.

“Bolsonaro reproduziu ontem uma carta, ao estilo Janio Quadros, que falava que era impossível governar sem maracutaia, sem ceder ao Congresso. E a sua base agora diz que o “Capitão” não conseguiu fazer nada porque não deixaram. Mas o “Capitão” não conseguiu fazer nada porque é incompetente”, finalizou.

 

Leia também