Paim defende inclusão do carvão nas matrizes energéticas

:: Da redação13 de setembro de 2011 20:30

Paim defende inclusão do carvão nas matrizes energéticas

:: Da redação13 de setembro de 2011

O senador Paulo Paim (PT-RS) defendeu, nesta terça-feira (13/09), a inclusão do carvão entre as matrizes energéticas que poderão concorrer no leilão de energia, que será realizado pelo governo, no dia 20 de dezembro próximo. O senador realizou, na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa, uma audiência pública para debater o assunto.

“O governo argumenta que a extração do carvão é danosa para o meio ambiente, mas especialistas defendem o uso da energia gerada por ele. Países como Alemanha, Estados Unidos e Argentina utilizam o carvão para gerar energia. Para os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, a matéria prima representa uma fonte de renda e emprego fundamental”, argumentou o senador.

De acordo com Paim, se os estados não puderem concorrer no leilão, os prejuízos poderão chegar a R$ 10 bilhões, o que significará uma quebradeira geral do setor e o desemprego de cerca de 10 mil trabalhadores. Participaram do debate representantes do Ministério das Minas e Energia, prefeitos de municípios dos estados afetados, deputados e senadores.

Ouça entrevista do senador Paulo Paim 
{play}images/stories/audio/paim_carvao.mp3{/play}
Clique com botão direito para baixar o áudio

Eunice Pinheiro

Leia também