Paim pede aumento da parcela do FUST para educação

Matéria, que garantirá a informatização das escolas, está pronta para votação no plenário da Câmara.

:: Da redação29 de junho de 2012 16:44

Paim pede aumento da parcela do FUST para educação

:: Da redação29 de junho de 2012

O senador Paulo Paim (PT-RS) voltou a defender a destinação de uma parcela maior do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações – o FUST – para investimentos na educação. O senador fez um apelo para que o plenário da Câmara dos Deputados para que aprove também seu projeto, que aumenta, dos atuais 18% para no mínimo 30%, a parcela do FUST para a educação. O PL 691/2007, apresentado em 2004, já foi aprovado no Senado Federal e, há cinco anos tramita na Câmara dos Deputados.

De acordo com o senador, o aumento de recursos do Fundo para a educação garantiria a informatização total das escolas, incluindo o fornecimento de internet para todos, com ênfase na população mais pobre. “Além disso, não basta colocar o computador. Tem de renovar. A tecnologia renova diariamente e os brasileiros têm o direito de usufruir delas. Por isso tem de ter um fundo que garanta essas inovações”, afirmou o senador.

Inclusão digital
Para o senador Paulo Paim, mais recursos para o desenvolvimento de novas tecnologias deverá, ainda, acelerar a inclusão digital no Brasil. Apesar de ter tido um grande crescimento, nos últimos anos, Paim acredita que esse potencial é bem maior. Utilizando os dados de pesquisa, realizada pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil, o senador mostrou que a quantidade de domicílios com acesso à internet aumentou mais de 40% em 2011. “A diversidade e a qualidade das conexões também aumentaram, com destaque para o uso da internet móvel, que cresceu 240%, no mesmo período”, informou o senador.

Quanto à extensão da oferta de serviços de internet nas áreas rurais, o senador anunciou a licitação que o governo fará nos próximos dias. “O governo vai licitar a faixa de frequência de 450 Megahertz, iniciativa que vai permitir a expansão dos serviços de telefonia e de internet no campo, mesmo nas áreas mais remotas”, disse.

Eunice Pinheiro

Leia mais:

Câmara: Aprovado projeto de Paim que aumenta recursos para educação

Leia também