#MoroMente

Sem crime, prisão de Lula fere de morte a Justiça e a Constituição

Em Curitiba, Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD) entrega carta aberta ao ex-presidente Lula afirmando ser intolerável uma condenação feita por decisão política e ideológica
:: Da redação19 de setembro de 2019 18:55

Sem crime, prisão de Lula fere de morte a Justiça e a Constituição

:: Da redação19 de setembro de 2019

A professora de Direito Internacional Carol Proner da ABJD (Associação Brasileira de Juristas pela Democracia) entregou a Lula mensagem (vejam abaixo) da entidade defendendo um urgente posicionamento das instituições sobre a situação de ilegalidade da prisão do ex-presidente.

A visita ocorreu nesta quinta-feira, em Curitiba, e contou com a participação do cantor e compositor Chico Buarque de Hollanda, também empenhado na luta pelo restabelecimento do estado democrático de direito, contra a prisão política e pela libertação de Lula.

O ex-chanceler Celso Amorim e o ex-candidato do PT à presidência Fernando Haddad também acompanharam a visita e a manifestação na Vigília Livre, em frente à sede do Polícia Federal, em Curitiba.

“Querido Lula,

Escrever uma carta para você é um desafio para nós. Porque há tanto a dizer e, ao mesmo tempo, palavras não parecem bastantes quando temos que expressar tantos sentimentos contraditórios, como nossa indignação pela injustiça de sua prisão, nossa gratidão pela dedicação ao nosso país e ao nosso povo, e nossa certeza de que no curso da história nos encontraremos em breve fora de grades e muros. Nossa luta tem convergências com pontos de sua história.

A ABJD surgiu em 2016 durante o processo do golpe jurídico-midíatico- parlamentar-empresarial contra a presidenta Dilma. Como frente de juristas e depois como entidade, reunimos profissionais de todas as áreas e carreiras jurídicas, também pertencentes a diversas matizes do campo político combativo e comprometido com a defesa da democracia e direitos sociais.

Leia na íntegra a carta da ABJD para Lula

Com Lula.como.br

 

Leia também