Viana: “Brasil promove inclusão e crescimento, preservando o meio ambiente”

:: Da redação4 de abril de 2013 19:15

Viana: “Brasil promove inclusão e crescimento, preservando o meio ambiente”

:: Da redação4 de abril de 2013

Código Florestal: senador do PT
diz que País ganha nova agenda,
capaz de conciliar produção de
alimentos e meio ambiente.
Insegurança jurídica e
desmatamento estão sendo
superados

O Brasil é dos poucos países do mundo que tem sido capaz de promover inclusão social com crescimento econômico, preservando o meio ambiente e produzindo alimentos. A avaliação é do senador Jorge Viana (PT-AC), ao abordar o processo de discussão política do novo Código Florestal.

“O país tem agora os instrumentos jurídicos e institucionais para continuar aumentando a produção de alimentos tendo o meio ambiente como aliado”, disse. Ele considera que os impactos provocados pelo novo código serão positivos. O senador foi relator do projeto no Senado, ao lado de Luiz Henrique (PMDB-SC).

Viana participou da mesa redonda promovida pelo curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito da Propriedade, Agronegócio e Desenvolvimento Sustentável. Também discutiram o novo Código Florestal, aprovado no ano passado pelo Congresso, os ministros Aldo Rebello (Esporte) e Gilmar Mendes (STF), além do professor Rodrigo Mudrovitsch. O debate aconteceu nesta quinta-feira, 4 de abril, no auditório do Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP).

Os dois relatores da proposta no Congresso – Viana (Senado) e Aldo (Câmara) – consideram que o país só ganhou com a aprovação do Código Florestal pelo Congresso. Segundo o senador petista, a nova lei permitirá ao país recuperar 15 milhões de hectares de florestas nos próximos anos. “A próxima etapa é a estruturação da gestão florestal por municípios, estados e União”, comentou.

O senador lembrou que estão dadas as condições para a recomposição de florestas a grandes, médios e pequenos produtores. “Os produtores poderão legalizar a situação de suas propriedades pela adoção de práticas sustentáveis de recomposição de APPs e Reservas Legais”, disse.

Assessoria de Imprensa do senador Jorge Viana

Leia mais:

Jorge Viana quer fiscalizar a implantação do Código Florestal

Na mídia: Brasil é líder mundial em preservação ambiental, diz ONU


Leia também