Aníbal Diniz diz que o Bolsa Família é um programa vitorioso

O senador lembrou que o Bolsa Família também tem um papel importante na economia do País.

:: Da redação1 de novembro de 2013 16:14

Aníbal Diniz diz que o Bolsa Família é um programa vitorioso

:: Da redação1 de novembro de 2013

“É inegável o alcance social que o programa
obteve nesta última década e é inegável também
que o programa resulta na diminuição da pobreza”
(Agência Senado)

O senador Aníbal Diniz (PT-AC) parabenizou o Governo Federal pelos 10 anos do programa Bolsa Família comemorado na última quarta-feira (30). Aníbal fez pronunciamento na tribuna do Senado relatando os números positivos do programa e os seus impactos na vida das pessoas, tirando 13,8 milhões de famílias – o que corresponde a 50 milhões de pessoas – da faixa de miséria. Segundo ele, o Bolsa Família é um dos mais vitoriosos programas de inclusão social realizados no País.

“O Bolsa Família é um dos principais programas sociais do governo e receberá, só neste ano de 2013, R$ 24 bilhões. É inegável o alcance social que o programa obteve nesta última década e é inegável também que o programa resulta na diminuição da pobreza”, afirmou o senador.

O Bolsa Família conseguiu a proeza de retirar 36 milhões de pessoas da extrema pobreza do ponto de vista da renda. Destas 36 milhões de pessoas, 22 milhões saíram com o apoio do Plano Brasil sem Miséria.

“Como bem lembrou a nossa presidenta, o dinheiro usado no Bolsa Família não é esmola e, sim, transferência de renda de quem paga os impostos para uma parte da população com quem o Brasil tem uma dívida histórica. E ela sintetizou muito bem o programa: ‘Bolsa Família não é caridade e, sim, uma tecnologia social de distribuição de renda e combate à desigualdade’”, disse Aníbal citando recente declaração da presidente Dilma Rousseff de que o programa vai existir enquanto houver uma só família pobre no País

O senador citou, também, a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello. Segundo ele, Campello informou, por exemplo, que são muitos os impactos do programa na saúde e na educação das crianças. Mais de cinco milhões de crianças menores de sete anos estão com a vacinação em dia. Este é justamente um dos compromissos assumidos pelas famílias atendidas pelo Bolsa Família.

“Além disso, estudo publicado em maio na revista científica The Lancet afirma que o Bolsa Família contribuiu para reduzir a mortalidade infantil das crianças até cinco anos em 19,4%, entre 2004 e 2009. E que, nas doenças ligadas diretamente à pobreza, a queda da mortalidade infantil foi mais acentuada: 46,3% nos casos de diarreia e 58,2% por desnutrição, nos municípios com alta cobertura do programa”.

O senador lembrou ainda que o Bolsa Família também tem um papel importante na economia do País. Estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), lançado neste mês, aponta que para cada R$1,00 investido no Programa Bolsa Família há um estímulo ao crescimento deR$1,78 no Produto Interno Bruto (PIB). Dessa forma, o programa também incentiva o comércio, a indústria, a geração de empregos.

“E nós ficamos muito felizes por saber que, ao longo desses dez anos de existência do programa Bolsa Família, tivemos resultados expressivos na elevação da condição social das famílias, pois milhões de brasileiros saíram de uma condição indigna de vida para uma condição de dignidade social. Além desse reflexo econômico, tivemos o reflexo social e o reflexo cultural, a elevação da escolaridade das crianças pertencentes às famílias beneficiárias do Bolsa Família”.

Com assessoria de imprensa do senador Aníbal Diniz
 

Leia mais:

Lula: “se pudesse, começaria outra vez pelo Bolsa Família”

“Vamos varrer a miséria absoluta de nosso território”, garante Dilma

Tereza Campello mostra a mudança na vida real das pessoas

Leia também