Nota Oficial

Nota Oficial sobre “lista de Fachin”

"É uma ação que criminaliza a política no País e um sistema que até recentemente permitia o financiamento empresarial de campanhas eleitorais", diz a nota
:: Da redação12 de abril de 2017 16:47

Nota Oficial sobre “lista de Fachin”

:: Da redação12 de abril de 2017
NOTA DA BANCADA DO PT NA CÂMARA DOS DEPUTADOS E NO SENADO FEDERAL

A propósito da decisão do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato na corte, de determinar a abertura de inquéritos contra dezenas de autoridades, as Bancadas do PT na Câmara e no Senado afirmam:

1) É lamentável que mais uma vez haja a divulgação de inquéritos em que sequer os citados tivessem conhecimento do que são acusados;

2) É uma ação que criminaliza a política no País e um sistema que até recentemente permitia o financiamento empresarial de campanhas eleitorais;

3) Delação não é prova, não servindo, portanto, para a condenação antecipada de qualquer pessoa citada nas investigações.
4) Todos os citados das Bancadas do PT na Câmara e no Senado irão provar sua inocência nesse processo.

Brasília, 12 de abril de 2017

Carlos Zarattini(SP), líder do PT na Câmara dos Deputados
Gleisi Hoffmann (PR), líder do PT no Senado Federal

Leia também