Pega na mentira

Bolsonaro mente sobre Mínimo e reajuste fake prejudica 49 milhões

Pela regra do PT, o Salário Mínimo seria maior do que o atual, afirma o senador Humberto Costa
:: Da redação2 de janeiro de 2020 22:13

Bolsonaro mente sobre Mínimo e reajuste fake prejudica 49 milhões

:: Da redação2 de janeiro de 2020

“Pela regra do PT, o Salário Mínimo seria maior do que o atual. Mas Bolsonaro prefere mentir. A mentira nessa gestão é uma política permanente de governo”, denunciou o senador Humberto Costa em suas redes sociais.

O senador petista reagiu à mais recente fake news de Bolsonaro afirmando que o reajuste do Salário Mínimo foi “acima do que seria se a lei do PT estivesse em vigor”.

O Salário Mínimo anunciado pelo governo foi de R$ 1.039,00.

A verdade dos fatos e dos números é que se a política implantada pelo governo de Dilma Rousseff estivesse em vigor, o valor do Salário Mínimo – considerando a estimativa do próprio governo Bolsonaro – deveria ser de R$ 1.053 este ano.

“Não se iludam! Não teve aumento para o Salário Mínimo”, alertou a deputada e presidenta do PT, Gleisi Hoffmann.

Ao não garantir aumento real para o mínimo, retirando dos trabalhadores e beneficiários do INSS R$ 8,7 bilhões em 2020, o governo prejudica 49 milhões de pessoas comprometendo ainda mais a economia.

Leia também