Criminalização dos movimentos sociais em debate

:: Da redação3 de outubro de 2011 15:37

Criminalização dos movimentos sociais em debate

:: Da redação3 de outubro de 2011

A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), em audiência pública nesta terça-feira (4), receberá representantes de trabalhadores e estudantes para debater a criminalização dos movimentos sociais. A audiência atende a requerimento do senador Paulo Paim (PT-RS), presidente da CDH.

Entidades representativas de movimentos sociais denunciam o aumento da repressão a suas atividades, incluindo atentados contra militantes, uso da força policial contra trabalhadores em greve e prisões politicamente motivadas.

Participarão da audiência pública os deputados federais Manuela d’Ávila (PCdoB-RS), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados, e o deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), que é presidente da Força Sindical, e o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Ophir Cavalcante.

Também foram convidados Wagner Gomes, presidente da Central dos Trabalhadores do Brasil; Ricardo Patah, presidente da União Geral dos Trabalhadores; José Calixto Ramos, presidente da Nova Central Sindical dos Trabalhadores; Artur Henrique da Silva Santos, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT); João Paulo Rodrigues, coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST); Atnágoras Lopes, representando a Central Sindical e Popular; Ubiraci Dantas De Oliveira, da Central Geral dos Trabalhadores do Brasil; e Clara Saraiva, da Assembléia Nacional dos Estudantes Livres.

Agência Senado

Leia também