Internet chegará a 70% das residências em 2014, diz ministro

Paulo Bernardo diz que ações de implementação do Plano Nacional de Banda Larga estão adiantadas. 

:: Da redação20 de julho de 2012 12:24

Internet chegará a 70% das residências em 2014, diz ministro

:: Da redação20 de julho de 2012

As ações de implementação do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL) estão adiantadas. Tanto que a meta prevista para 2015 poderá ser alcançada um ano antes, conforme destacou o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, em gravação divulgada pelo Blog do Planalto, nesta quarta-feira (18/07). “O PNBL vai não apenas ter condição de atender a meta de 70% que está fixada para 2015, em 2014; como nos permitirá também começar a pensar em um programa de universalização da internet”, afirmou.

O governista explicou que o programa de universalização da banda larga ainda não foi projetado porque o atual percentual, de 40%, é considerado baixo. Mas que, no final do ano, alcançada a estimativa de 50% dos domicílios do País com cobertura de internet, o Governo terá condições de analisar e redefinir ações. Bernardo acredita que a sistemática de universalização da internet deve ocorrer nos moldes do programa Luz para Todos, lançado no governo Lula, que conseguiu levar energia elétrica a todo território nacional.

Para alcançar esses objetivos, o chefe das Comunicações destaca a necessidade da continuidade de investimentos das esferas federal e privada na infraestrutura de expansão da rede. O Governo precisa assegurar recursos para a construção da linha de transmissão de dados, que até o final de 2012 deve chegar a mais de 30 mil quilômetros, e do satélite de telecomunicações, que além de estratégico na área de defesa civil, também será o grande responsável por levar fazer banda larga nas localidades de difícil acesso de cabos, por conta das condições geográficas, como a Região Amazônica. Já as operadoras, devem continuar financiado a construção das torres e da passagem de cabeamento.

O Plano
Lançado em 2012, o PNBL é considerado uma das principais ações do Ministério das Comunicações. E tem como objetivo diminuir o custo, aumentar a qualidade e a velocidade das conexões de internet, oferecidas para o consumidor.

 

Assita ao vídeo com o ministro Paulo Bernardo
{youtube}GeWZrELjfVo{/youtube} 

Com informações do Blog Planalto

Leia mais:
Governo lança banda larga 0800 para quem não tem internet móvel

Uso de banda larga móvel dobra no Brasil, segundo pesquisa

Líder do PT cobra qualidade na banda larga dos serviços de telefonia móvel

Leia também