Entrevista ao GGN

Lula ao GGN: “Quero sair daqui inocente, 100% como eu entrei”

Durante a entrevista, Lula falou também sobre desigualdade social, economia, o caso Ágatha, e criticou a forma que o governo tem agido
:: Agência PT de Notícias29 de setembro de 2019 15:31

Lula ao GGN: “Quero sair daqui inocente, 100% como eu entrei”

:: Agência PT de Notícias29 de setembro de 2019

”Não vou pedir progressão. Estou ciente do papel que estou cumprindo aqui e da canalhice que fizeram comigo. Quero sair daqui inocente, 100%, como eu entrei. Eu durmo tranquilo, eles não. Estou aqui por responsabilidade deles e não minha”, disse o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em entrevista concedida a Luiz Gonzaga Belluzzo e Eduardo Moreira do Jornal GGN, quando questionado sobre a possibilidade de progressão de sua pena. “Se alguém tem que pedir perdão é o tal do Moro e o tal do Dallagnol.”

O pedido de progressão ao regime semiaberto foi feito pela Força Tarefa da Operação Lava Jato à juíza da Vara de Execuções Penais de Curitiba, Carolina Lebbos. O ex-presidente disse que conversou com seus advogados e definiu que só sairá da prisão política que o colocaram quando a justiça for finalmente feita.

“Eu desafio todos os dias o Ministério Público, o Sérgio Moro e outros que me julgaram a provarem um real ilícito na minha vida ou uma conduta ilícita. Eu tenho certeza que durmo mais tranquilo do que eles […] Eu quero sair daqui inocente, 100% como eu entrei.”

Leia a íntegra da matéria e assista a entrevista.

Leia também