Aposentados que ganham acima do mínimo terão reajuste de 5,56%

:: Da redação13 de janeiro de 2014 12:41

Aposentados que ganham acima do mínimo terão reajuste de 5,56%

:: Da redação13 de janeiro de 2014

Valor refere-se à variação do INPC, divulgada pelo IBGE na sexta-feira (10).

Teto da Previdência Social para 2014 fica
em R$ 4.390,24

Aposentados e pensionistas do INSS que recebem benefícios com valor acima de um salário mínimo (R$ 724)  terão seus benefícios reajustados em 5,56% em 2014, segundo portaria dos ministérios da Fazenda e da Previdência Social publicada no “Diário Oficial da União” desta segunda-feira (13).

O valor refere-se à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano passado, divulgado na última sexta-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O índice serve de referência para a correção dos benefícios previdenciários. Com isso, o teto da Previdência Social para 2014 fica em R$ 4.390,24.

Impacto nos cofres

De acordo com os cálculos do Governo, os 9,5 milhões de benefícios acima do piso previdenciário representarão impacto líquido de R$ 8,7 bilhões. O reajuste do salário mínimo a partir de janeiro deste ano atinge 20,8 milhões de benefícios previdenciários e assistenciais e custará R$ 9,2 bilhões aos cofres.

O Ministério da Previdência informa ainda que o mesmo piso vale também para os benefícios da Lei Orgânica da Assistência Social (Loas) para idosos e pessoas com deficiência, para a renda mensal vitalícia e para as pensões especiais pagas aos dependentes das vítimas de hemodiálise da cidade de Caruaru (PE)  – tragédia que deixou mais de 100 pacientes da cidade intoxicados, em 1996.

Com informações dos Ministérios da Fazenda e da Previdência e das agências de notícias

Leia mais:

Benefícios do INSS são reajustados em 6,15%


Leia também