Dez petistas estão entre os 38 senadores mais influentes

Entre os 100 eleitos, Jorge Viana, Delcídio do Amaral, Humberto Costa e Marta Suplicy foram apontados como articuladores. Walter Pinheiro surge como negociador, e os senadores José Pimentel, Wellington Dias e Paulo Paim foram eleitos formuladores. Lindbergh Farias é apontado como debatedor e Eduardo Suplicy formador de opinião

 

:: Assessoria do senador José Pimentel19 de setembro de 2011 21:39

Dez petistas estão entre os 38 senadores mais influentes

:: Assessoria do senador José Pimentel19 de setembro de 2011

arte_senadores2

Entre os 100 “Cabeças” do Congresso Nacional, há 62 deputados e 38 senadores. O Partido dos Trabalhadores (PT) aparece na lista com maior número de parlamentares indicados: 27 nomes. O partido tem a maior bancada da Câmara dos Deputados, com 80 parlamentares, e a segunda maior bancada do Senado Federal, com 13 parlamentares.

O PMDB, partido aliado do Governo Dilma, tem 14 nomes na lista do Diap. O PSDB aparece na terceira posição, com 13 nomes.

Na lista do PT, os senadores Jorge Viana (AC), Delcídio do Amaral(MS), Humberto Costa (PE) e Marta Suplicy (SP) foram apontados como os principais articuladores. O senador Walter Pinheiro (BA) surge como negociador, enquanto os senadores José Pimentel (CE), Wellington Dias e Paulo Paim (RS) foram eleitos como formuladores. Lindbergh Farias (RJ) é apontado como debatedor e Eduardo Suplicy (SP)como formador de opinião.

A relação, elaborada anualmente pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), foi divulgada na última sexta-feira (16/9). A seleção é resultado de um estudo sobre o perfil, as votações e as posições manifestadas pelos 513 deputados federais e pelos 81 senadores. A escolha dos 100 congressistas considera o cargo e comissões temáticas ocupadas pelos parlamentares no Congresso; a influência sobre os colegas na tomada de decisões e o envolvimento na discussão de matérias relevantes para a sociedade.

Ex-ministro de Minas e Energia, Delcídio do Amaral é especialista do setor de infraestrutura, com destaque para atuação em assuntos relativos aos setores elétrico e de petróleo e gás. Está no segundo mandato de senador e é presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE). O senador Eduardo Suplicy, reconhecido por ser autor da lei que cria a Renda Básica de Cidadania, é veterano no Senado e está em seu terceiro mandato senador.

Humberto Costa, líder do PT e do Bloco de Apoio ao Governo no Senado, foi ministro da Saúde no Governo Lula, quando implantou diversos programas como a Farmácia Popular, Samu e a Academia Saúde.

Ex-prefeito de Rio Branco (AC), Jorge Viana foi governador do estado por duas vezes, e atualmente é responsável pela relatoria do projeto do Código Florestal na Comissão de Meio Ambiente (CMA), que irá concluir a votação da matéria. Com a experiência de ex-ministro da Previdência e quatro mandatos de deputado federal, José Pimentel é líder do Governo no Congresso e vice-presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, com forte atuação voltada para os direitos das micro e pequenas empresas.

Lindbergh Farias, por sua vez, é estreante na Casa, tendo sido no início de sua carreira política presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), deputado federal e prefeito de Nova Iguaçu (RJ). Sua atuação é voltada para a defesa de políticas públicas para as pessoas com deficiência. Marta Suplicy, que tem atuação destacada em defesa da comunidade LGBT, já foi prefeita da cidade de São Paulo e ministra do Turismo. No Senado, tornou-se a primeira titular a da história a ocupar a primeira vice-presidência da Casa, substituindo nas ausências o presidente José Sarney.

Especialista do setor de telecomunicações, Walter Pinheiro teve papel fundamental na construção do novo marco regulatório da TV por assinatura. Deputado por três vezes, Pinheiro também tem atuação destacada na área orçamentária e assumiu neste ano a relatoria do Plano Pluiarnual (PPA) 2012-2015.

Ex-governador do Piauí por dois mandatos, o senador Wellington Dias se dedica às políticas sociais de inclusão, em especial no debate de políticas antidrogas, e ao novo desenho do pacto federativo no debate da distribuição de royalties do petróleo. O senador Paulo Paim, em seu segundo mandato, é conhecido por sua atuação em defesa dos direitos dos trabalhadores da ativa, aposentados e pensionistas. É presidente da Comissão de Direitos Humanos (CDH) da Casa.

Participação feminina
A presença feminina entre os “Cabeças” do Congresso, em termos proporcionais, é inferior à participação da mulher no Poder Legislativo. Enquanto as mulheres representam 15,31% do Congresso (91, sendo 83 deputadas e 8 senadoras), na elite do Congresso (Câmara e Senado) elas correspondem a apenas 9% (cinco deputadas e quatro senadoras). Marta Suplicy, que é vice-presidente do Senado, aparece como um dos destaques.

Veja, na tabela do Congresso em Foco abaixo, a relação da Bancada do PT no Senado eleita entre 100 mais influentes do Congresso.

diap

Com informações do Diap

Veja resumo 

Veja a lista dos parlamentares em ascensão em 2011

Conheça mais sobre os senadores

Delcídio do Amaral

Eduardo Suplicy 

Humberto Costa 

Jorge Viana 

José Pimentel 

Lindbergh Farias 

Marta Suplicy 

Paulo Paim 

Walter Pinheiro 

Wellington Dias

 Leia mais

 

PT domina lista dos “Cabeças do Congresso Nacional” do DIAP

Leia também